Motorista da van de atentado em Barcelona é morto pela polícia

ESTADÃO/JN

A polícia da Catalunha matou em uma operação em Subirats, 45 quilômetros a oeste de Barcelona, nesta segunda-feira, 21, Younes Abouyaaqoub, o marroquino de 22 anos suspeito do atentado da quinta-feira 17, que deixou 13 mortos nas Ramblas, um dos principais pontos turísticos da cidade. Mais tarde, ele matou o motorista de um carro para roubar o veículo e fugir.

Nesta segunda Abouyaaqoub carregava o que parecia ser um cinto de explosivos que foi analisado pelo esquadrão antibombas. Ao ser interceptado pelas autoridades, segundo o jornal El País, ele teria gritado “Deus é o maior” e foi baleado a uma distância entre 10 e 15 metros.

Abouyaaqoub é acusado de fazer parte da célula terrorista da cidade de Ripoll. O grupo planejava cometer atentados a bomba e foi responsável por outro ataque na Espanha, também usando um automóvel, na cidade de Cambrils, na madrugada da sexta-feira 18, onde uma pessoa morreu.

Comentários

comentários