Motorista cai em golpe do falso frete e por sorte não fica sem o caminhão

Um motorista de caminhão foi agredido, amordaçado e mantido amarrado por ladrões após ser contratado para um falso frete. O crime aconteceu ontem (29) no bairro Jockey Club, em Campo Grande.

Depac da Piratininga (Foto: Divulgação)
Depac da Piratininga (Foto: Divulgação)

A vítima, de 49 anos, foi abandonada no bairro Paulo Coelho Machado, região sul da Capital.

Segundo informações da ocorrência, o caminhoneiro disse que havia sido contratado por telefone durante à tarde para fazer um frete à noite.

O falso contratante marcou encontro no bairro Jockey Club. No local combinado, dois homens chegaram em uma motocicleta.

Um deles entrou no caminhão baú junto com o motorista enquanto o outro acompanhou o veículo na moto.

Nas imediações do bairro Paulo Coelho Machado, o assaltante que estava no caminhão e, armado com revólver, anunciou o roubo e mandou o motorista descer.

A vítima foi agredida com uma coronhada na cabeça e arrastada para um matagal, onde teve os pés e mãos amarrados, além de ser amordaçada.

No local, ainda chegou um terceiro integrante da quadrilha.

De acordo com a polícia, os bandidos acabaram abandonando o veículo.

À polícia, a vítima contou que no momento do crime um carro da Enersul passou pelo local e os bandidos pensaram que fosse a polícia.

Eles fugiram deixando o caminhão ligado, uma vez que esperavam por uma quarta pessoa que teria a função de conduzir o caminhão baú, segundo relatos da vítima.

Os bandidos levaram somente documentos e o celular do motorista.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

Comentários

comentários