Motociclista morre após bater em carro parado no semáforo

João Poscidonio da Silva Sobrinho, de 49 anos morreu no início da tarde deste domingo (4), em Campo Grande, após a motocicleta que ele conduzia bater na traseira de um carro parado no semáforo. O acidente ocorreu por volta das 13h40, na avenida Gury Marques, em frente a rodoviária da cidade.

Motociclista morreu após colidir com carro parado no semáforo em Campo Grande (Foto: Mariana Cintra/TV Morena)
Motociclista morreu após colidir com carro parado no semáforo em Campo Grande (Foto: Mariana Cintra/TV Morena)

Segundo a polícia, o carro estava parado quando a motocicleta Suzuki GSXR 750, placa FQR-0750, de Campo Grande colidiu com a traseira do Fiat Strada, placa OOJ-7460, de Campo Grande..

A suspeita, conforme o delegado Enilton Pires Zalla, da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do bairro Piratininga, que esteve no local, é que condutor da moto estivesse em alta velocidade e tenha perdido o controle do veículo. Marcas de frenagem no asfalto, inclusive, reforçam essa possibilidade.

Em razão da violência da colisão, o motociclista foi arremessado, de acordo com o apurado pela Batalhão de Política de Trânsito (Bptran), a cerca de seis metros de distância do local da batida. Ele foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Universitário, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O condutor do carro em que a moto bateu na traseira, o técnico em telefonia José Carlos de 45 anos, disse que apenas ouviu o som da frenagem da moto e depois sentiu o impacto da colisão com a traseira do veículo.

O caso foi registrado pela BPTran (Batalhão da Policia Militar de Trânsito). A perícia da Polícia Civil esteve no local para fazer os levantamentos que vão dar base à investigação.

Comentários

comentários