Mecânico furta carro do Detran para matar homem e ferir ex-mulher

Por volta das 18h40 deste domingo (31), um casal foi atropelado e Rafael Souza do Carmo, de 25 anos, morreu, no Bairro Mata do Jacinto, em Campo Grande.

Carro utilizado para matar jovem e ferir mulher.
Carro utilizado para matar jovem e ferir mulher.

Segundo o boletim de ocorrência, o mecânico Max William Romana dos Santos, de 24 anos, que não aceitava fim do relacionamento atropelou, usando carro do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran/MS), e matou Rafael que era atual namorado de sua ex-companheira, Pâmela Kethelyn Conceição Valejo, 23 anos.

O crime aconteceu na Rua Miguel Seba com Luiz Carlos Pettengil.

De acordo com a polícia, , o autor do atropelamento, não aceitava o fim do relacionamento e neste domingo (31), teria furtado um veículo de uma oficina, na qual é funcionário, e saído à procura da ex-namorada e do atual namorado.

Na tarde deste domingo, Max William se deparou com o casal que estava em uma moto Yamaha modelo Crypton, conduzida por Rafael.

Max William colidiu na traseira da moto, ocasião em que Pâmela caiu na calçada e Rafael na rua. Mecânico então teria engatado marcha a ré, passando por cima do corpo do rapaz, que morreu no local.

Já a jovem, de 23 anos, foi socorrida e levada para a Santa Casa da Capital. Ela recebeu atendimento médico e foi liberada do hospital às 4h57.

Comentários

comentários