MEC prorroga contrato com Instituto de Matemática e olimpíada está garantida

olimpiada_matematicaO Ministério da Educação prorrogou nesta quarta-feira (25), em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), o contrato de gestão firmado com o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa). A parceria, iniciada em 2000, está garantida por mais um ano: o MEC vai contribuir com R$ 32,5 milhões para o funcionamento do instituto. Desse montante, R$ 26,5 milhões serão destinados à realização da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep).

Os outros R$ 6 milhões serão investidos no projeto de expansão das atividades, instalações físicas e laboratoriais do Impa. Dentro da iniciativa, figura a proposta de realização de eventos como a Olimpíada Internacional de Matemática, em 2017, e o Congresso Internacional de Matemáticos, em 2018.

Segundo o ministro Mendonça Filho, investir em matemática possibilita a propagação dessa área do conhecimento de uma forma mais ampla junto à educação como um todo. “É uma maneira de incorporar alunos que muitas vezes têm dificuldade com a matemática e ao mesmo tempo estimular jovens talentos, para que possam se licenciar nessa área e na atividade docente”, ressaltou.

Academia – O Impa foi a primeira unidade de pesquisa criada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em 1951. Em 2000, o Impa e outras unidades de pesquisa que faziam parte da estrutura do CNPq foram transferidas para o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O instituto é considerado um centro de pesquisa com renome internacional, tido como o instituto de matemática de maior prestígio na América Latina. Possui alto nível de produção cientifica: na última década, a média anual de artigos publicados em revistas internacionais é 2,03 por pesquisador, contra 1,89 em Harvard e 1,83 em Princeton, duas das mais prestigiadas universidades norte-americanas.

A instituição busca também melhorar o ensino de matemática nas escolas brasileiras. Entre as principais formas de difusão e estímulo ao ensino da disciplina estão a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) e a Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), anualmente realizadas pela organização em parceria com o Governo Federal e outras instituições. As olimpíadas também revelam talentos na área, com a possibilidade de oferta de bolsas de estudo e preparação de alunos para participarem de competições internacionais.

Comentários

comentários