Mato Grosso do Sul tem crescimento de 0,07% no número de empregos formais

O Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) registrou em abril um crescimento de 0,07% no estoque de empregos formais em Mato Grosso do Sul, o que representa um acréscimo de 369 postos de trabalho.

Embora pequeno, o crescimento é significativo para o Estado
Embora pequeno, o crescimento é significativo para o Estado

Este é o resultado de 22.763 admissões, em contrapartida a 22.394 desligamentos. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (22) pelo ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, em Florianópolis (SC).

De acordo com a análise do economista da Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul), Jorge Antônio Fernandes Goya, “esses números apontam que a economia de Mato Grosso do Sul se recupera mais rápido que a média nacional que apontou um decréscimo de 0,24% dos postos de trabalho”.

Com esses números, MS fica em 4º lugar (369 postos de trabalho) no País, em termos de geração de empregos absolutos. Com isso fica atrás somente de Goiás (2.285 postos de trabalho), Distrito Federal (1.053 postos de trabalho) e Piauí (612 postos de trabalho).

Comentários

comentários