Marquinhos diz que seu primeiro ato será ‘procurar o governador’

O prefeito eleito de Campo Grande, deputado estadual Marquinhos Trad (PSD) afirmou ao chegar no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) que seu primeiro ato como prefeito eleito será feito logo amanhã pela manhã. “Vou ligar para o governador, Reinaldo Azambuja (PSDB), e a vice, Rose Modesto (PSDB), em busca de paz e harmonia. A cidade é maior do que toda campanha eleitoral e ataques”, disse.

Ao lado da vice-prefeita eleita, Adriane Lopes (PEN), ele agradeceu aos amigos, familiares e a todas as pessoas que “deram esse voto de confiança”. “Campo Grande mostrou que gosta de propostas e não de ataques, fiz uma campanha com generosidade e humildade. O eleitor viu isso. Os trabalhos que já realizei me fizeram chegar a essa vitória. A minha família sofreu muito com os ataques, mas chegou a hora de pensar no que é bom para Campo Grande”.

Como prioridades de seu governo, a partir de 1º de janeiro, o prefeito eleito elencou saúde, habitação, segurança pública, educação, infraestrutura e outros. “Na nossa pré-campanha fizemos uma peregrinação em quase 600 bairros dentro de Campo Grande. Fizemos visita às famílias, fomos às sete regiões e eles nos deram as preocupações”, justificou.

É a sexta vez, segundo ele, que ganha uma eleição em primeiro lugar, o que o deixa “muito feliz e animado”.

Trad obteve nas urnas 241.876 votos, o que corresponde a 58,77% dos votos válidos. Rose Modesto, por outro lado, obteve 169.660 votos, 41,23% dos votos válidos. A apuração revelou ainda que 132.865 pessoas deixaram de comparecer às urnas, um índice de 22,32%. Votos brancos e nulos somaram 10,98%.

Comentários

comentários