Madonna faz show surpresa de graça em NY em apoio a Hillary Clinton

A cantora Madonna cantou alguns de seus maiores hits na noite desta segunda-feira (7) durante um show surpresa ao ar livre em apoio a Hillary Clinton, candidata do Partido Democrata na eleição dos Estados Unidos. A votação para eleger o novo presidente do país acontece nesta terça-feira (8).

madonna

Cerca de 300 pessoas assistiram à apresentação na parque público Washington Square Park, no coração de Manhattan, para ver a artista pop tocar músicas como “Express yourself”, “Don’t tell me”, “Imagine”, “Like a prayer” e “If I had a hammer”.

No começo do show, que durou cerca de 30 minutos, Madonna pediu aos presentes que fossem votar na eleição. O voto nos Estados Unidos não é obrigatório.

Confira o show completo de Madonna, gravado por um fã

“Este show é tem a ver com nossa união, com manter a América grande, e não com fazer a América grande de novo”, afirmou ela, em referência ao slogan “Faça a América Grande Novamente”, usado na campanha do candidato do Partido Republicano, Donald Trump, adversário de Hillary.

Madonna continuou: “Amanhã nós vamos manter a América grande. Nós vamos eleger uma presidente que não discrimina”.

madonna-publico

No fim da apresentação, ela pediu mais umva vez que o público votasse na candidata democrata. “Nova York, amanhã é o grande dia. Vocês estão me ouvindo? Nós queremos que Donald Trump seja presidente?”, perguntou. O público gritou de volta: “Não!”. Madonna fez então outra pergunta: “Precisamos de Hillary Clinton?”. Os fãs devolveram: “Sim!”.

Presente no show, Zach Baum, de 23 anos, comentou: “É realmente emocionante essa vontade de eleger a primeira mulher presidente, de eleger uma presidente que vai lutar pelos direitos LGBT, que vai lutar pelos direitos das mulheres e vai fazer a América avançar. É realmente uma escolha sobre quem somos como nação”.

madonna-fas

Para Sara Bellis, uma dona de casa de 34 anos que mora no Bronx, também em Nova York, a vitória de Hillary Clinton é certa.

“Eu sou uma fã de Hillary desde que eu estava na escola primária”, afirmou ela. “Agora eu tenho três filhos, e acho que, de longe, ela tem mais condição de criar o tipo de mundo em que eu quero que eles vivam.”

Comentários

comentários