Lutador que matou hóspede presta depoimento no 1º DP

Foi transferido na manhã desta quarta-feira (22), para a 1ª Delegacia de Polícia o lutador Rafael Martinelli Queiroz, de 27 anos, acusado de espancar até a morte o hóspede Paulo Cézar de Oliveira, de 49 anos, na noite de sábado (18) em um hotel de Campo Grande. Rafael irá prestar depoimento ainda nesta manhã.

Rafael vai prestar depoimento sobre o crime  Foto Reprodução Facebook
Rafael vai prestar depoimento sobre o crime Foto Reprodução Facebook

Ele se encontrava detido em uma cela da Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros (Garras) desde o dia do ocorrido, quando foi preso em flagrante.
O Delegado Miguel Said, titular da 1ª Delegacia de Polícia será o responsável pelo caso.

Ataque de fúria  – O crime ocorreu na noite do sábado (18). Ao ouvir gritos durante a discussão entre o lutador e a namorada, o vendedor Paulo Cezar de Oliveira, que estava hospedado no mesmo hotel do (Vale Verde, na Avenida Afonso Pena, no Bairro Amambaí), abriu a porta e foi surpreendido por Rafael, que o agrediu com socos, chutes e cadeiradas. O vendedor não resistiu aos ferimentos.

Rafael destruiu boa parte do hotel: quebrou câmeras de vigilância e objetos do hotel, e arrombou as portas dos apartamentos do segundo andar. Ele estava na capital sul-matogrossense para participar de um campeonato de luta.

Após as agressões e depredação, ele foi encontrado por policiais do outro lado da rua onde fica o hotel. Na delegacia, o acusado resistiu à prisão. Uma equipe especial teve que ser chamada para levá-lo para outro espaço mais reforçado.

 

Paulo Francis

Comentários

comentários