Karmouche defende recuperação da imagem da OAB

Na série de entrevistas promovidas pelo programa Tribuna Livre, da Capital FM, e ao portal Página Brazil, com os candidatos à presidência da seccional sul-mato-grossense da Ordem dos Advogados do Brasil, o advogado Mansour Karmouche apresentou as propostas de sua candidatura à direção da entidade para o próximo mandato de três anos. Mansour considerou que “a OAB vem das dificuldades inerentes de um ‘mandato-tampão’ que conclui agora a sua gestão.”09mansour

Karmouche defende “Uma reestruturação política da nossa instituição. Para que isso aconteça, você precisa de uma nova eleição. Nós queremos fazer uma renovação, com jovens advogados, que não estão inseridos hoje no nosso quadro condignamente. Nós trouxemos para tanto, representantes da associação dos novos advogados, para fazer a administração conjuntamente conosco. Além disso, trouxemos colegas de vários segmentos da advocacia, para que eles dessem representatividade para toda a advocacia. Isso é o mais importante de tudo. Então, você tem um plano de ação, pra cumprir nos próximos três anos, uma agenda política também, de qual será o direcionamento na parte corporativa e na parte político-institucional. É isso que nós pretendemos daqui para frente.”

Na chapa denominada “Ordem em Progresso”, de acordo com o candidato, as principais metas a se perseguir são: “A primeira: restabelecer o horário de funcionamento do fórum; depois a padronização dos serviços cartoriais, que nós entendemos ser fundamental para contribuir com a redução da morosidade do Judiciário. Nós temos outras demandas na parte de prerrogativas: contratar advogados para ficarem 24 horas de pronto-atendimento dos advogados no estado inteiro. Na Caixa de Assistência, nos faremos pesquisas para alternativas dos planos de saúde; na parte de Plano de Previdência, nós teremos algumas alternativas para que o advogado possa gozar desses benefícios.” 

Para a atualização e aperfeiçoamento dos operadores de Direito no Estado, Karmouche defende que “a ESA (Escola Superior de Advocacia), através do professor Ricardo Pereira, terá uma parte cultural muito intensa, com cursos, pós-graduações e interiorização de todos os nossos serviços. Fazer uma gestão muito voltada para o Interior; nós teremos o programa ‘Presidente Presente’, onde pelo menos duas vezes por mês, um diretor e um conselheiro irão ao interior para ouvir os reclamos dos advogados, ver onde temos as nossas deficiências, onde que podemos corrigir e melhorar”, relacionou.

Finalizando, o candidato afirmou: “Nós temos um plano de ação factível, que vai ao encontro dos anseios da advocacia. Tenho certeza que nós uma administração aberta, muito democrática e transparente, o principal de tudo. Para que você colega, se sinta prestigiado. Pra que você consiga ter mais acesso ao seu mercado de trabalho. Para que você não sofra nenhum entrave, nenhuam barreira para o exercício da profissão.”

Juntamente com Karmouche, o atual vice-presidente da entidade, compõem a chapa número 22, “Ordem em Progresso”, o procurador federal Marco Aurélio de Oliveira Rocha (secretário-geral), Stheven Razuk (tesoureiro), Vinicius Monteiro Paiva (secretário-geral adjunto).

Silvio Ferreira

Comentários

comentários