Bernal não vai fazer ato para receber R$ 10,2 milhões da Câmara

Em entrevista por telefone ao portal Página Brazil, o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Prof. João Rocha (PSDB) afirmou que “ainda espera um retorno do prefeito Alcides Bernal (PP), sobre a possibilidade da realização de um ato público para a devolução de R$ 10,2 milhões em recursos que não foram gastos pela Casa, do orçamento de 2015”.

Duodécimo
Presidente do Legislativo Municipal lamentou falta de retorno de prefeito – Fotos: Arquivo Página Brazil

De acordo com o presidente da Câmara, o dinheiro que é repassado todo ano pela prefeitura e cujo montante economizado será agora devolvido “está à disposição para o pronto-emprego pelo prefeito naquilo em que for necessário nas ações da prefeitura que passa por um momento de dificuldades financeiras”, considerou.

“Eu gostaria de realizar essa devolução publicamente, como um gesto de boa-vontade entre os chefes dos dois poderes, mas já liguei para à assessoria do prefeito, para o prefeito, deixei mensagem e ainda não obtive retorno”, lamentou.

Para o presidente da Câmara, a indisposição de Bernal em realizar o ato representa a “perda de uma grande oportunidade. Um gesto que, entendo, é politicamente importante para iniciarmos o ano de 2016 com uma ‘bandeira branca’ em Campo Grande, para selar esse momento, mas o prefeito parece não entender assim, então vamos aguardar agora pela manhã, por um retorno”, afirmou.

De acordo com João Rocha, “caso o prefeito não demonstre uma mudança em sua disposição neste sentido, realizaremos o procedimento administrativo cabível: uma transferência para a conta da prefeitura.”

Em entrevista à imprensa nesta semana, o prefeito não manifestou interesse em realizar um ato público com o chefe do Legislativo e ainda considerou que o montante devolvido pode indicar que existiria margem para uma redução do valor do repasse feito à Câmara.

Procurado nesta manhã pela reportagem do  Página Brazil, o prefeito não atendeu as ligações.

Silvio Ferreira

Comentários

comentários