João Amorim se entrega e Olarte continua foragido

O empresário João Alberto Krampe Amorim dos Santos, se entregou-se no começo da tarde desta quinta-feira (1) na Delegacia de Repressão a Roubo a Banco, e Sequestros (Garras).

01am

Ele é investigado pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) sob suspeita de compra de votos na Câmara de Vereadores para a arquitetar a cassação do prefeito Alcides Bernal (PP),

Contra Amorim, o pedido de prisão foi deferido na noite de quarta-feira (30) pelo desembargador Luiz Claudio Bonassini. Desde às 6h desta quinta-feira (1) os oficiais de justiça estavam a procura dele e também do vice-prefeito suspenso do cargo, Gilmar Olarte (PP).

O empresário, dono da Proteco Construção Ltda, foi para o Garras porque toda investigação tratada pelo Gaeco utiliza-se de celas da delegacia especializada.

Gilmar Olarte ainda não se entregou ou foi encontrado pelos oficiais de justiça.

Comentários

comentários