Inmetro reprova 63% do pescado vendido em supermercados da Capital

A AEM-MS (Agência Estadual de Metrologia) realizou entre os dias 27 de julho e 7 de agosto, a “Operação Pescado” em estabelecimentos comerciais de Campo Grande que vendem pescados congelados. Foram coletadas 653 unidades, divididas em 30 lotes amostrais.

Foto Aline Kraemer - Notícias MS
Foto Aline Kraemer – Notícias MS

De acordo com a análise dos técnicos da AEM – órgão delegado do Inmetro e vinculado à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade) – 11 amostras estavam em conformidade com as exigências do Inmetro e 19 foram reprovadas.

Entre as marcas aprovadas pela análise em um ou mais de um tipo de produto fiscalizado, estão: Frescato, Buona Pesca e Dellamare. Já as marcas que tiveram as perícias reprovadas, em um ou mais tipos de produtos fiscalizados foram: Costa Sul, Vitalmar, Pioneira e New Fish.

O objetivo da operação, segundo a AEM-MS, foi o de informar ao consumidor que deseja  adquirir crustáceos, moluscos, frutos do mar e pescados em geral, quais a marcas apresentam segurança em termos de peso.

Pecado apreendido na operação (Foto: Divulgação)
Pecado apreendido na operação (Foto: Divulgação)

A diretora técnica da AEM-MS, Luciana Boni, destacou a importância da fiscalização e da aequação do comércio para que o consumidor tenha tranquilidade e certeza de que, ao adquirir um produto, “não esteja pagando por gelo”. Ela lembra ainda que esse tipo de operação mostra o quanto o consumidor é lesado, pois 63% das amostras foram reprovadas. Segundo Luciana, esse é um número preocupante pois esse tipo de operação é realizada rotineiramente pela Agência.

Na avaliação do diretor presidente da Agência Estadual de Metrologia, Nilton Pinto Rodrigues, a Operação Pescado destacou, mais uma vez, o papel da instituição na busca constante da segurança do cidadão sul-mato-grossense.

Os consumidores que desejarem mais informações podem entrar em contato com a Ouvidoria da AEM-MS pelo número 0800 67 5220.

Comentários

comentários