Homicídio por causa de moto no Itamaracá envolveu seis pessoas, sendo dois menores

Policiais do setor de investigações da 4° Delegacia de Polícia Civil da Capital, identificaram os autores do assassinato de Elton Troche de Mendonça, de 24 anos, encontrado morto pelo pai na última terça-feira (18), no bairro Itamaracá. 

De acordo com a delegada Célia Bezerra, após o crime, o setor de investigações da delegacia começou a colher informações no bairro, até que chegaram até os autores. Fabiano Santana de Souza, de 22 anos, Renan da Silva Ferreira, de 20 anos, Vitor Henrique Fontana, de 18 anos e Danilo Ocampos Garcia, também de 18 anos, e dois adolescentes de 17 anos foram os responsáveis pelo crime.

Armas utilizadas no crime. Foto: Kerolyn Araújo
Armas utilizadas no crime. Foto: Kerolyn Araújo

Segundo a delegada, tudo começou após Fabiano vender uma moto para Elton. Após adquirir a motocicleta pelo valor de R$ 1 mil reais, a vítima trocou o veículo por um revólver com um indivíduo identificado como “Zóio”. Com a motocicleta que ainda estava no nome de Fabiano, o homem começou a cometer assaltos na região.

Depois de ficar sabendo que os delitos estavam envolvendo seu nome, já que a documentação da moto ainda era sua, Fabiano pegou o veículo de volta. Elton não gostou da atitude, já que ele havia feito negócio com Zóio, e passou a ameaçar Fabiano de morte.

Na segunda-feira (17), noite do crime, Fabiano estava com os outros autores no bairro, quando Elton passou de moto e disparou três vezes contra o grupo, mas os tiros não acertaram ninguém. Após essa atitude, os homens decidiram que iriam matar a vítima.

Fabiano morava em uma casa ao lado da oficina. Ao ver Elton chegando na residência, ele avisou aos comparsas. Renan levou o resto do grupo para o local do crime em seu carro.
Entraram na oficina Fabiano, Vitor, Danilo e os dois menores. Ao entrarem no local, o cachorro da vítima, um Pit Bull, atacou o grupo. Fabiano, em posse de uma arma de fogo, disparou dois tiros para assustar o animal.

Após ouvir os disparos, Elton saiu para ver do que tratava, quando percebeu a presença do grupo. Ele tentou fugir, mas acabou sendo atingido pelo primeiro tiro no braço, disparado por Fabiano. O menor deu o segundo tiro que atingiu as costas de Elton, o terceiro tiro saiu da arma de Vitor e, após a vítima cair no chão, Danilo se aproximou e deu mais um disparo que acertou a cabeça do homem. Após o crime, todos fugiram.

Os acusados prestaram depoimento na delegacia e foram indiciados por homicídio qualificado, mas ainda não tiveram a prisão preventiva decretada. A Delegacia Especializada no Atendimento à Infância e Juventude (Deaiji) cuidará da participação dos adolescentes no crime.

Elton era traficante da região e tinha passagens pela polícia por furto e ameaça.

Kerolyn Araújo 

Comentários

comentários