Homem reage, mata pistoleiro, mas morre com tiros de pistola e fuzil

Por volta das 22h desta quarta-feira, (16), Marcos Alves Ferreira, 44 anos, trocou tiros com dois pistoleiros, matou um deles e morreu na sequência. O tiroteio aconteceu na Rua Caiabis, no Jardim das Oliveiras, em Ponta Porã. O criminoso que também acabou assassinado foi identificado como Clésio Azevedo Lopes.

Foto: Tião Prado (Pontaporainforma)
Foto: Tião Prado (Pontaporainforma)

Conforme informações do site Ponta Porã Informa, um filho de Marcos contou que horas antes o pai havia recebido um telefonema em que foi informado de que homens iriam até a casa dele matá-lo. Por isso, ele se armou com revólver calibre 38 e esperou pelos pistoleiros do lado de fora.

Os assassinos estariam ocupando uma motocicleta e, chegando ao local, houve troca de tiros e Marcos acertou três disparos em Clésio, sendo eles na cabeça e na perna direita. Marcos foi atingido por vários outros, no tórax e braço esquerdo, conforme o Boletim de Ocorrência.

Foto: Tião Prado (Pontaporainforma)
Foto: Tião Prado (Pontaporainforma)

Ferido, Marcos ainda correu para a casa, trancou o portão, mas acabou morrendo no chão de um dos quartos. Clésio também não resistiu e morreu na frente do local. O outro envolvido no crime fugiu.

Além da arma usada por Marcos, policiais apreenderam um fuzil e uma pistola, que estavam ao lado de Clésio. No cenário da execução também foram encontradas diversas munições deflagradas das respectivas armas.

Na casa, havia 12 automóveis e quatro motocicletas, cuja procedência é investigada pela polícia, assim como a outra autoria e motivação do crime.

Comentários

comentários