Homem não aceita gravidez, agride e ameaça ex-mulher

Uma mulher de 29 anos, grávida de três meses, foi agredida e ameaça de morte pelo ex-marido em Dourados. O agressor, um homem de 29 anos, não aceita a gravidez da vítima.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima e o autor estavam juntos há quatro meses e, no dia 1° de janeiro, ela decidiu pedir para ele deixar a casa viviam juntos. Dizendo que não aceitava a gravidez da mulher, o autor deu um soco na barriga da vítima e mandou que ela abortasse.

violenciadomesticahornov

Na madrugada desta quinta-feira (21), novamente a vítima pediu que o autor deixasse a casa, porém ele recusou. Após discutir com a mulher, ele ameaçou a ex de morte, dizendo que não sairia da casa e, caso ela fizesse uma denúncia na polícia, mandaria uns amigos dar um tiro em sua testa.

A vítima saiu da residência e, quando voltou, o ex-marido tentou entrar na residência novamente.

A Polícia Militar foi acionada e o caso foi registrado como ameaça e violação de domicílio.

Comentários

comentários