Homem executado em estrada vicinal com tiro na nuca foi identificado

Reprodução - Alcides Neto
Reprodução – Alcides Neto

Foi identificado como Anderson Aparecido Figueiredo dos Santos (27), o homem encontrado morto com tiro na nuca, na terça-feira (15), no cruzamento das ruas João Lemes de Rezende com a Domingos Sahib, em frente a uma igreja, na região do Bairro Itamaracá, em Campo Grande.

Conforme as informações do boletim de ocorrência, foram dois irmãos de Anderson que fizeram o reconhecimento dele no Imol (Instituto Médico Odontológico Legal). Eles afirmaram à polícia, que Anderson morava com um tio no Jardim Itamaracá e que tinha o hábito de ficar vários dias fora de casa.

Um dos irmãos contou ainda que decidiu procurar a polícia depois que vizinhos relataram que o homem encontrado morto tinha uma tatuagem do desenho pica-pau na perna direita. A vítima havia saído de casa na segunda-feira (14) e não mais retornado.

O corpo de Anderson foi achado por volta das 6h, por um morador que seguia para o trabalho. A vítima foi encontrada de bruços, vestida com uniforme de uma empresa de engenharia, mas estava sem os documentos. Ainda não há informação sobre a autoria e o motivo do crime.

Comentários

comentários