Grêmio não vê a cor da bola e é derrotado pelo Toluca no México

O Grêmio decepcionou na sua estreia na Libertadores-2016. Na madrugada desta quinta-feira, no Estádio Nemesio Diez, no México, o time gaúcho, mesmo com um jogador a mais desde os 35 minutos do primeiro tempo, foi envolvido pelo Toluca, jogou mal e acabou derrotado por 2 a 0, gols do atacante argentino Triverio, ambos no segundo tempo.

Grêmio Perdeu na estreia (Foto: Lance)
Grêmio Perdeu na estreia (Foto: Lance)

O resultado colocou o time mexicano em primeiro lugar no Grupo 6 da competição, com três pontos. LDU (EQU) e San Lorenzo (ARG), que se enfrentarão no próximo dia 23, completam o grupo.

O Toluca teve maior posse de bola no primeiro tempo, conseguindo chegar muitas vezes próximo da área, com o lateral-direito Flores apoiando muito bem e acertando cruzamentos perigosos, mas com poucas finalizações, quase todas do atacante Triverio, mas sem eficácia. Já o Grêmio, mesmo com menor posse de bola, mostrou objetividade a partir dos 20 minutos, principalmente quando a bola chegava nos pés de Everton, que perdeu as duas melhores chances do primeiro tempo, a melhor aos 27 minutos, quando recebeu de Douglas e chutou sem chance para o goleiro Talavera, mas a bola passou raspando.

Um lance no meio de campo, aos 35 minutos, acabou em troca de empurrões entre Douglas e Velasco resultou na expulsão do jogador do time mexicano poderia ter modificado um pouco o jogo, mas a verdade é que o Grêmio seguiu recuado, dando chances para mais chuveirinhos. Aos 43, Flores cruzou para a cabeçada de ortiz que Grohe, bem colocado, defendeu. Foi a finalização mais perigosa do Toluca no primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e com ele um show do Toluca, que conseguiu melhorar mesmo sem treinador no banco (Cardozo foi expulso no intervalo por reclamação). Logo no primeiro ataque, aos 40 segundos, o time da casa chegou ao gol na sua jogada mais conhecida. Num ataque pela esquerda, Rodríguez cruzou para a área e Triverio cabeceou tirando a bola de Marcelo Grohe.

O Grêmio sentiu o gol e nem mesmo a superioridade numérica favoreceu o time brasileiro, que foi envolvido nos primeiros 15 minutos e por milagre não levou o segundo gol em dois lances com Cuevas (que entrara no intervalo). Em ambos os lances o goleiro Marcelo Grohe apareceu muito bem.

O Grêmio errava muitos passes, não se encontrava e levava um baile do Toluca. Tirando lampejos de Douglas, a criação era débil.  Aos 31 minutos veio a pá de cal. Triverio entrou na área, esperou o contato com Geromel e caiu. Pênalti marcado. Triverio mandou a bomba e fez 2 a 0  mostrando toda a sua eficácia (marcou seis dos oito gols do time nesta  temporada, incluindo o Campeonato Mexicano).

Com a vitória assegurada, o Toluca passou a só arriscar na boa. Quase ampliou aos 40, quando Geromel evitou o gol mexicano. O Grêmio quase descontou com Everton, mas Talavera fez uma ponte cinematográfica e salvou. Assim, o time gaúcho saiu de campo com uma derrota feia e com seu torcedor torcendo muito pela estreia de Bolaños, um extra-classe que poderá melhorar a criação gremista.

FICHA TÉCNICA  TOLUCA (MEX) 2 X 0 GRÊMIO 

COPA LIBERTADORES – 1ª RODADA

Local: Estádio Nemesio Diez, Toluca (MEX)

Data-Hora: 17/2/2016 – 0h15 (horário de Brasília)

Árbitro: Gery Vargas (BOL)

Auxiliares: Javier Bustillos e Juan Montaño (BOL)

Cartões amarelos: Ortiz (TOL) Douglas, Wallace Oliveira e Maicon (GRE)

Cartões vermelhos: Velasco (TOL) , 35’/1ºT; José Cardozo (técnico do Toluca) na volta do intervalo

Gols: Triverio, aos 40 segundos do 2ºT (1-0), Triverio, de pênalti, 31/2ºT (2-0)

TOLUCA: Talavera; Flores, Paulo da Silva, Jordan Silva e Rodríguez; Rios, Velasco, Arellano (Cueva, intervalo) e Ortiz; Esquivel e Triverio  (Saucedo, 42/2ºT). Técnico: José Cardozo

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Wallace Oliveira, Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Edinho, Maicon, Giuliano (Fernandinho, 16’/2ºT)  e Douglas (Lincoln, 32’/2ºT); Everton e Luan (Henrique Almeida, 22’/2ºT). Técnico: Roger

Comentários

comentários