Governador concede entrevista para documentário da BBC de Londres

O governador Reinaldo Azambuja concedeu entrevista para a BBC de Londres, nesta sexta-feira (5), para falar sobre o Projeto Tatu-Canastra, realizado pelo pesquisador e biólogo Arnaud Desbiez em Aquidauana – na região do Pantanal da Nhecolândia. A emissora de TV inglesa é reconhecida mundialmente pelos documentários que faz sobre a natureza.

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Na conversa com Desbiez e com o diretor do documentário, Justin Purefoy, Reinaldo falou sobre a fauna e flora sul-mato-grossenses e ações de parceria entre o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres  (Cras) e o Projeto Tatu-Canastra. A gravação foi feita na companhia da coordenadora do Cras, Nara Pontes, e da fiscal ambiental do Imasul, Ana Paula Felício.

Pesquisador

Arnaud Desbiez é biólogo conservacionista e desde 2002 conduz pesquisas no Pantanal Brasileiro, atuando em diversas áreas desde o uso sustentável de recursos, pesquisa de ecologia de espécies até desenvolvimento de programas para comunidades. Ele coordena o Projeto Tatu-Canastra, uma iniciativa do Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ) e da Royal Zoological Society of Scotland.

Em 2015, o projeto realizado no Pantanal recebeu o prêmio Whitley Award. Conhecido como “Oscar Verde”, a premiação é uma das prestigiadas do mundo na área da conservação ambiental. Desbiez foi reconhecido pelo trabalho de proteção ao tatu-canastra. Além do troféu e da homenagem, ele recebeu recursos para financiar a continuidade dos trabalhos de conservação: 35 mil libras esterlinas (cerca de R$ 160 mil), recursos usados para financiar a expansão da pesquisa com o tatu-canastra do Pantanal para o Cerrado.

Comentários

comentários