Goleiro Follmann tem previsão de alta em duas semanas, diz hospital

Jackson Follmann deve ter alta a partir do dja 23 de janeiro (Foto: GloboNews/Via G1)

O goleiro Jackson Follmann – o único dos quatro sobreviventes brasileiros do acidente aéreo com a delegação da Chapecoense que ainda está internado – deve ter alta a partir do dia 23 de janeiro, informou nesta quarta (11) o Hospital Unimed, de Chapecó.

A tragédia resultou na morte de 71 pessoas na madrugada de 29 de novembro na Colômbia. Apenas seis pessoas sobreviveram.

Segundo o boletim médico, Follmann, que teve parte da perna direita amputada e passou por cirurgias na coluna, está em fase final do tratamento da osteomielite da perna direita e segue com tratamento fisioterapêutico, fonoaudiológico e psicológico, “com excelente evolução”.

Follmann também fez nova cirurgia na terça (10), onde foi colocado enxerto de pele no tornozelo esquerdo. Conforme o hospital, não há previsão de novos procedimentos cirúrgicos.

O hospital complementou que o paciente está tranquilo e focado na recuperação. “Passa os dias na companhia de familiares e recebe visita”.

Comentários

comentários