Geraldo Resende assina ficha de filiação ao PSDB nesta quinta

Depois de vários dias de conversações, o deputado federal Geraldo Resende (PMDB) aceitou o convite feito pelo governador Reinaldo Azambuja e assina, nesta quinta-feira (17), a ficha de filiação ao PSDB, durante ato simples marcado para sede do diretório regional do partido, em Campo Grande.

Geraldo Resende é um dos fundadores do PSDB em Mato Grosso do Sul - Foto: Divulgação
Geraldo Resende é um dos fundadores do PSDB em Mato Grosso do Sul – Foto: Divulgação

Geraldo entra para o partido do governador para disputar a Prefeitura de Dourados. Ele esteve ontem (15) com o presidente nacional do partido, senador Aécio Neves, onde recebeu convite para ingressar nas fileiras tucanas.

O parlamentar é um dos fundadores do PSDB em Mato Grosso do Sul. Em 1991, foi eleito primeiro vereador pelo partido,em Dourados, e foi reeleito em 1996.

O anúncio da adesão ao ninho tucano, no entanto, deve causar desconforto ao ex-deputado federal Marçal Filho, que também trocou o PMDB pelo PSDB com o compromisso de concorrer à sucessão do prefeito Murilo Zauith (PSB).

Em recente entrevista ao jornalista César Cordeiro, titular da coluna Atenta (jornal O Progresso), Marçal disse que se “Geraldo entrar por uma porta ele sai por outra”.

Com a filiação de Resende, a bancada do PSDB na Câmara dos Deputados passará a contar com dois representantes, incluindo ele e Elizeu Dionízio, que ocupa a vaga deixada por Márcio Monteiro, atualmente secretário de Estado de Fazenda no governo tucano.

Comentários

comentários