Gás de cozinha tem alta e já chega a R$ 75 na Capital

O gás de cozinha teve alta de 0,27% em Campo Grande nesta semana e em alguns lugares o valor do produto chega a R$ 75, segundo levantamento feito pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). O número foi levantado pelos técnicos do órgão depois de percorrerem 31 revendedoras na cidade.

Em média, o botijão está custando R$ 71,65 na cidade, quando no mesmo levantamento feito na semana passada ele saía alguns centavos mais caro, por R$ 71,45.

Contudo, a pesquisa encontrou alguns estabelecimentos que estavam vendendo o gás por R$ 69, o menor valor pesquisado pela agência. Com relação ao preço máximo, houve aumento de 2,73%.

Em Mato Grosso do Sul o preço médio do botijão é de R$ 72, segundo o levantamento da ANP feito com base em pesquisa com 78 revendedoras em várias cidades do estado.

O valor está 1,98% mais caro em relação à semana passada, quando o produto estava sendo encontrado por R$ 73,46 em média. Contudo, o preço mínimo encontrado no estado foi de R$ 60 em Três Lagoas, valor que está 7,69% menor do que na última pesquisa, quando não era vendido por menos de R$ 65.

Já o valor máximo pesquisado foi de R$ 90, mais precisamente nas cidades de Corumbá e Nova Andradina, a 419 quilômetros e 300 quilômetros da Capital, respectivamente.

Comentários

comentários