Gaeco encontra munições em casa e procurador da Câmara é preso

O procurador-jurídico da Câmara Municipal de Campo Grande, André Scaff, foi preso na manhã desta quinta-feira (19), após agentes do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) encontrarem 15 munições de revólver calibre 38 na casa do procurador.

Scaff sendo levado da Câmara para a delegacia
Scaff sendo levado da Câmara para a delegacia

Os agentes foram até a casa de Scaff no início da manhã de hoje com mandado de busca de apreensão. No local, eles encontraram as munições, mas nenhuma arma foi encontrada. Eles seguiram para Câmara, de onde saíram com um malote.

Como não possui porte de armas, André Scaff foi encaminhado à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro para prestar esclarecimentos. Ele permanece na delegacia.

O Gaeco também levou para a Depac Centro cds e computador apreendidos, mas o delegado afirmou que não se trata do flagrante que ele tem a responsabilidade em apurar.

A assessoria do Gaeco não informou a qual investigação a operação se trata, nem quantas pessoas estão envolvidas na ação de hoje.

Comentários

comentários