Gaeco convoca sete e novos depoimentos, Olarte não está entre eles

Nesta segunda fase de depoimentos da Operação Coffe Break, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão contra o Crime Organizado) irá ouvir sete pessoas entre amanhã à tarde (2) e sexta-feira de manhã (4).

Marcos Alex, do Gaeco, vai ouvir mais envolvidos na Operação Coffee Break Foto Silvio Ferreira
Marcos Alex, do Gaeco, vai ouvir mais envolvidos na Operação Coffee Break Foto Silvio Ferreira

Segundo informações repassadas pelo Ministério Público do Estado (MPE), o Gaeco não divulgou os nomes das pessoas que foram convocadas e nem os horários em que comparecerão para prestar depoimento.

Todavia, Gilmar Olarte (PP), ex-prefeito da Capital, não está entre as pessoas que prestarão depoimento nesta semana. Outras oitivas, no entanto, estão previstas para acontecerem na próxima semana.

Os investigados são suspeitos de receberem propinas dos empresários João Amorim e João Baird, terão de comparecer espontaneamente ou serão levados à força pela polícia e pelos integrantes do MPE para explicarem o esquema de compra de votos.

COFFEE BREAK

No dia 25, o Gaeco ouviu 13 pessoas, sendo nove vereadores, um ex-vereador, um secretário do município e empresários, entre eles João Amorim, dono da Proteco, e João Baird, dono da Itel Informática, e que teriam tido importante participação nas negociações para a cassação do prefeito Alcides Bernal (PP).

Todos foram conduzidos coercitivamente para prestar depoimento, a partir da Operação que teve início por volta das 6h.

Comentários

comentários