Força Tarefa ouviu nesta quarta-feira, Puccinelli, Giroto, Amorim e Baird

João Baird deixa a sede do MPE sem dar declarações
João Baird deixa a sede do MPE sem dar declarações

O empresário João Baird, dono da Itel Informática, acompanhado de dois advogados, saiu sem falar com a imprensa sobre seu depoimento no Ministério Publico Estadual, na tarde desta quarta-feira (30)

Ele permaneceu cerca de 40 minutos no prédio e assim como fez quando prestou depoimento no Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), ele não respondeu a nenhuma pergunta dos jornalistas.

O empresário chegou no local por volta das 14h45, pouco depois da saída do ex-secretário estadual de Obras e ex-assessor do Ministério dos Transportes, Edson Giroto, que prestou depoimento no início da tarde de hoje.

A Força Tarefa criada pelo MPE investiga paralelamente as denúncias da Lama Asfáltica e, ouviu hoje pela manhã o ex-governador André Puccinelli (PMDB) e o empreiteiro João Amorim, dono da Proteco.

O Gaeco apura envolvimento de empresários e vereadores na cassação do prefeito Alcides Bernal. Já a Força Tarefa investiga o desvio de recursos estaduais na execução de obras contratadas pelo Governo do Estado e a Lama Asfáltica, conduzida pelos órgãos federais, apura desvio de recursos federais por meio de fraudes em licitações e corrupção de servidores estaduais.

Comentários

comentários