Ex-vereador desaparece e família aguarda DNA de corpo carbonizado

O ex-vereador Alceu Bueno, de 55 anos, está desaparecido desde ontem (20), às 21 horas, quando deixou o depósito da família, na Avenida Coronel Antonino, e não foi mais visto.

Ex-vereador renunciou ao cargo
Ex-vereador renunciou ao cargo

A família registra o boletim de ocorrência na manhã desta quarta-feira (21), conforme o advogado Fábio Theodoro. O ex-vereador fechou o estabelecimento sozinho e saiu do local em um carro modelo Land Rover, que também está sumido.

Não há confirmação oficial, mas várias especulações apontam que o corpo encontrado carbonizado no Parque dos Poderes, na Rua Avanhandava, pela manhã possa ser do ex-parlamentar.

De acordo com o delegado titular da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Piratininga, Camilo Kettenhuber Cavalheiro, a vítima aparenta ser do sexo masculino, entre 30 e 40 anos, e estava com 98% do corpo queimado.

Alceu e mais quatro pessoas foram condenadas pelos crimes de extorsão, exploração sexual de vulnerável, corrupção de menores e associação para o crime e tráfico de menor para fins de exploração sexual. Somadas, as penas atingem 57 anos e 20 dias de reclusão e 93 dias-multa.

Sozinho, o ex-vereador recebeu uma pena de oito anos e dois meses de reclusão, em regime fechado, por cometer dois crimes de exploração sexual de vulnerável.

Comentários

comentários