Ex-padrasto é acusado estuprar menina de três anos na Capital

Roupas da criança estavam sujas de terra quando foi encontrada (Foto: Reprodução TV Morena)
Roupas da criança estavam sujas de terra quando foi encontrada (Foto: Reprodução TV Morena)

O ex-padrasto de uma menina de três anos é o principal suspeito de tê-la estuprado na madrugada de sábado (12) no bairro Izabel Garden, em Campo Grande.

Ele não teve o nome divulgado para que a vítima fosse preservada.

Segundo informações, o homem teve um relacionamento com a mãe da criança, mas há cerca de três meses eles estão separados.

Uma pessoa contou que a criança apontou o ex-padrasto como o agressor e que ele aparece nas imagens gravadas por câmeras de segurança de casas vizinhas por onde a menina passou.

Ainda de acordo com essa testemunha, ele aparece nas imagens segurando as mãos da menina como se a estivesse conduzindo. A Polícia Civil, porém, não confirma essa informação.

O delegado titular da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), Paulo Sérgio Lauretto, disse que o caso segue em segredo para não atrapalhar as investigações, mas que a polícia já tem um suspeito.

Comentários

comentários