Ex-deputado Oscar Goldoni é morto a tiros em Ponta Porã

Informações passadas através do WhatsApp, dão conta de que o ex-prefeito, ex-deputado estadual e empresário Oscar Goldoni de 67 anos, foi assassinado quando saia do prédio do Detran MS, no grande Marambaia, na cidade de Ponta Porã a 346 quilômetros de Campo Grande.

Oscar Goldoni foi executado com cinco tiros de fuzil e de pistola na cabeça  (Foto: Divulgação)
Oscar Goldoni foi executado com cinco tiros de fuzil e de pistola na cabeça
(Foto: Divulgação)

De acordo com equipe do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Oscar foi surpreendido por pistoleiros, que estavam em um veículo e usaram fuzis calibre .556 e pistolas .9 milímetros.

Testemunhas relataram que a vítima foi perseguida pelos assassinos e cercada em frente ao Detran. Quando desceu de sua caminhonete, carregada com folha de telha eternit, foi executado com cinco tiros na cabeça. Os assassinos fugiram.

Oscar Goldini era dono do Alambique da Cachaça Vô Kiko, das empresas Junior Cerealista, Junior Transportes, Óleo Junior e era criador de suínos, em Ponta Porã.

Natural de Anta Gorda (Rio Grande do Sul), Goldoni começou no mundo dos negócios com uma churrascaria em Ponta Porã. Dentre as empresas do grupo, estão a Junior Cerealista, Junior Transportes e Óleo Junior.

No ano passado, ele foi candidato a deputado estadual, cargo que também já havia ocupado na carreira política. Contudo, não voltou a ser eleito em 2014.

Comentários

comentários