Empresários recebem apoio municipal em campanha contra a dengue

Lançada nesta terça-feira (10), na ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), a Campanha de Combate à Dengue terá participação ativa da prefeitura municipal. A parceria entre ambos também conta com a participação de um Supermercado. O objetivo é diminuir o número de casos de dengue, zika vírus e chikungunya na Capital.

Devido ao alto número de casos destas doenças, o chefe do executivo municipal, Marquinhos Trad (PSD), aumentou o número dos carros fumacês de 3 para 6 e colocou 1,5 mil agentes comunitários nas ruas.

Para o presidente da ACICG, João Carlos Polidoro, a parceria entre empresários e prefeitura é a forma mais acertada de evitar uma epidemia. “A campanha é para contribuir com esse fardo pesado que a Prefeitura carrega e que socialmente é extremamente caro. Nós vivemos em um sistema de saúde que já está tomado. Não vai ter condições de atender uma demanda muito maior do que já tem. Nós precisamos fazer alguma coisa que diminua esta demanda. E essa demanda vai aumentar muito se a gente não fizer isso a partir de nossos núcleos empresariais”, conclui.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Ciência e Tecnologia e Agronegócio, Luiz Fernando Buainain, foram feitas várias reuniões com grupos de empresários, para pensar uma campanha que fosse moderna, que fosse de baixo custo e que pudesse minimizar o problema para toda a sociedade.

“Quando o prefeito esteve aqui, inteligentemente, já começamos a pensar na prevenção social, para não termos os números alarmantes que tivemos no último ano. Os empresários estão aptos a engajar em uma grande corrente por Campo Grande”, diz.

Conforme o secretário municipal de Saúde Marcelo Vilela, as atitudes já foram tomadas rapidamente, pois a preocupação era grande.

Comentários

comentários