Em um ano trabalho CRAS possibilita mais de 600 animais retornem à natureza

Foto Divulgação
Foto Divulgação

Entre janeiro e dezembro de 2015, o trabalho realizado pelos técnicos do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) possibilitou que 600 animais recebidos pelo local fossem devidamente tratados e colocados nas condições adequadas para serem devolvidos aos seus habitats naturais. O CRAS, que é administrado pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade), por meio do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), recebeu em 2015 pouco mais de 2500 animais (entre aves, mamíferos e répteis), sendo que 600 foram soltos na natureza, 850 vieram a óbito e 1550 ainda estão alojados no Centro, aguardando as condições devidas para a soltura ou em tratamento veterinário na quarentena.

“A maioria dos animais é oriunda de apreensões feitas pela PMA. O número é grande e o processo entre o recebimento, tratamento e soltura, demora um pouco, dependendo da espécie e das condições que eles chegam”, lembra a coordenadora do CRAS, Nara Pontes. Segundo ela, “o CRAS em Campo Grande foi um dos primeiros centros de triagem de animais Silvestres criado no Brasil e serve como modelo para os outros estados brasileiros que possuem ações de Conservação de Fauna”.

Jaime Verruck e Ricardo Senna entregaram as chaves do veículo para a coordenadora do CRAS. (Foto: Nara Pontes)
Foto Divulgação

Na tarde da última terça-feira (22), o CRAS recebeu um minifurgão, automóvel que será devidamente adaptado para possibilitar o transporte adequado dos animais, seja na coleta ou no processo de soltura na natureza. As chaves do veículo foram entregues à coordenadora do CRAS pelo secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck, juntamente com o secretário-adjunto da Semade, Ricardo Senna, a diretora de Desenvolvimento do Imasul, Thaís de Azambuja Caramori, o gerente de Recursos Pesqueiros e Fauna, Vander Melquíades e o gerente de Administração e Finanças do Instituto, Roberto Silveira Barbosa.

“Estamos aprimorando e melhorando as condições de trabalho dos profissionais e técnicos do CRAS. Neste ano firmamos uma importante e inédita parceria que está possibilitando ao Centro fazer o tratamento e acompanhamento clínico dos por meio de homeopatia. É um avanço em pesquisa e tecnologia em nosso trabalho”, reforçou o secretário Jaime Verruck.

Neste mês, três novos veículos adquiridos por meio de convênio com o governo federal foram entregues ao Imasul: duas camionetes Mitsubishi L200 que serão utilizadas nas atividades de fiscalização e o minifurgão que será utilizado pelo CRAS.

Comentários

comentários