Em manifestação pacífica professores fazem Arraial da Greve em frente à Prefeitura

Enquanto aguardam a resposta da Prefeitura Municipal de Campo Grande sobre reajuste de 13,01%, os professores da rede municipal de ensino, em greve a 32 dias, protestam em frente ao Paço Municipal com uma festa junina desde as 16 horas de hoje (25).

Foto Luana Campos
Foto Luana Campos

Com faixas, carro de som e comidas típicas, os manifestantes distribuem panfletos e pedem apoio da população para pressionar a gestão municipal a cumprir a Lei que prevê o reajuste salarial.

Segundo o tesoureiro do Sindicato Campo Grandense dos Profissionais da Educação Pública (ACP), os professores estão esperançosos depois da última reunião de negociação realizada na terça-feira (23) com o chefe de gabinete da Prefeitura, Paulo Matos, “ele achou simpática nossa proposta de parcelar os 13,01% em 10 vezes e estamos sendo bem flexíveis”.

Matos ficou de dar uma resposta a categoria entre o fim da tarde de hoje e manhã desta sexta-feira (26). A partir das 9 horas de amanhã uma nova assembleia será realizada na ACP para que a proposta seja votada.

“A lei não se discute, a lei se cumpre”, diz uma professora que prefere não se identificar. O trânsito no local não foi bloqueado e os manifestantes afirmam que a única reclamação que receberam foi sobre o volume da caixa de som, que segundo eles foi diminuído após a solicitação.

De acordo com a diretoria da ACP eles esperam em torno de 200 pessoas no local. A festa junina segue até as 23 horas.

Luana Campos

 

 

Comentários

comentários