Em jogo fraco tecnicamente, Coritiba supera o Cruzeiro no Couto Pereira

Após empatar no Atletiba, Coxa vence o Cruzeiro por 1 a 0 e time de Vanderlei conhece sua segunda derrota seguida com o novo treinador

Coritiba e Cruzeiro se enfrentaram nesta tarde de domingo no estádio Couto Pereira. Um pouco mais motivado após o empate no clássico da rodada passada, os anfitriões deram um passo importante para tentar sair da zona de rebaixamento. Com gol único de Raphael Lucas, o Coxa venceu os mineiros por 1 a 0 em uma partida bastante morna e sem atrativos durante praticamente todo o tempo.

28CORI

Com a vitória, o Coritiba chegou aos sete pontos, mas ainda segue na zona de rebaixamento. O próximo duelo dos paranaenses será contra outro mineiro, visitando o Atlético na quarta-feira. Já o Cruzeiro permanece com 10 pontos no meio da tabela e ficará no sul do país, já que no mesmo dia enfrenta o Grêmio, na Arena.

O jogo

Primeiro tempo muito fraco tecnicamente. Apesar da partida equilibrada na maioria dos quesitos, o futebol mostrado por ambas as equipes não foi nada bom no Couto Pereira. Jogo morno e chato na maior parte do tempo, prejudicado principalmente pelos erros de passes e falta de qualidade ofensiva.

O Coritiba começou melhor, mas a meta de Fábio só foi ameaçada por conta de uma cabeçada contra do zagueiro Manoel. Após os 30 minutos, Kléber exigiu uma boa defesa do goleiro. No time de Luxa, a equipe celeste teve espaços para atacar, mas não soube aproveitar as brechas no campo de jogo. Assim como o adversário, o Cruzeiro chegou por duas vezes, em finalizações de longe de Arrascaeta e Allano.

A bronca de Vanderlei Luxemburgo no vestiário deixou o Cruzeiro mais ligado no jogo. Com poucos minutos do segundo tempo, Willian perdeu uma chance incrível dentro da pequena área. Pouco mais tarde, Damião finalizou da entrada da área e forçou Bruno a jogar para escanteio. A falta de capricho, no entanto, cobrou seu preço. Mesmo com o desempenho inferior dentro das quatro linhas, o Coritiba aproveitou-se de uma falha no posicionamento da zaga celeste e inaugurou o placar em sua primeira descida. Rodrigo Ramos cruzou da direita e Raphael Lucas subiu solto, sem marcação, para balançar as redes.

A estratégia de Luxemburgo foi de ir para o tudo ou nada após o gol, promovendo as entradas de Henrique Dourado e Joel. Na prática, o time acusou bastante o gol dentro de campo e pouco fez durante o restante do jogo. 1 a 0 placar final.

CORITIBA 1×0 CRUZEIRO

Motivo: 9º rodada, Brasileirão 2015
Data/Hora: 28/06/2015, às 16h
Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Rafael da Silva Alves (RS)

GOL: Raphael Lucas, 16’2ºT (1-0).
Cartões amarelos: Leandro Silva, Rodrigo Ramos, Luccas Claro, Lúcio Flávio, Esquerdinha (CTB), Allano, Henrique, Paulo André, Willians, Marcos Vinícius (CRU)
Cartão vermelho: Não teve.
Público/Renda: Não divulgados.

CORITIBA: Bruno; Rodrigo Ramos, Luccas Claro, Leandro Silva e Henrique; Hélder, Lúcio Flávio, Esquerdinha e Thiago Galhardo (Rodolfo – 42’2ºT); Marcos Aurélio (Paulinho – 35’2ºT) e Kléber (Raphael Lucas – 11’2ºT). Técnico: Ney Franco

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Manoel, Paulo André e Pará; Willians, Henrique, Allano (Marcos Vinícius – 43’1ºT), Arrascaeta; Willian (Joel – 23’2ºT) e Leandro Damião (Henrique Dourado – 23’2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

LNCEPRESS!

 

Comentários

comentários