Editoria Abril deixará de publicar revista ‘Playboy’

A Editora Abril anunciou nesta quinta-feira (19) que deixará de publicar as revistas “Playboy”, “Men’s Health” e “Women’s Health”.

Abril deixará de publicar Playboy - Foto: Divulgação
Abril deixará de publicar Playboy – Foto: Divulgação

No início de outubro, a versão americana da revista ‘Playboy’ havia anunciado que deixaria de publicar imagens de mulheres nuas frente à concorrência da internet, que banalizou o acesso a esse tipo de imagens.

O movimento gerou especulações sobre se o mesmo seria feito no Brasil, o que foi negado em editorial da publicação assinado por Sérgio Xavier, que comanda a revista.

Em entrevista após a mudança na edição americana, Xavier confirmou, no entanto, que o nu vinha perdendo força. “Estamos gradativamente perdendo com o nu. Precisaremos pensar em como fazer a transição”, disse.
Segundo o comunicado, o fechamento da revista segue estratégia da empresa iniciada há um ano com a revisão do portfólio da empresa.

“Os assinantes desses títulos terão seus exemplares de dezembro entregues normalmente e poderão optar por outra revista do portfólio Abril, nas versões impressa ou digital”, informa a editora.

Veja abaixo o comunicado completo:

“Dando continuidade à estratégia de reposicionar-se focando e dirigindo seus esforços e investimentos às necessidades dos leitores e do mercado, a Editora Abril deixará de publicar, em 2016, as versões brasileiras das revistas Men’s Health, Women’s Health e Playboy.

Esse movimento é parte de uma profunda e arrojada mudança da empresa, processo iniciado há cerca de um ano com a revisão do portfólio de produtos e a radical readequação das ofertas Abril à sua audiência, aos seus anunciantes e agências. Esse novo posicionamento compreende soluções cada vez mais eficientes, com a expansão digital fortemente ancorada por Big Data (ABD – Abril Big Data) e Branded Content (Estúdio ABC – Abril Branded Content).”

“Temos marcas fortes, marcas respeitadas, que pautam o país em moda, beleza, política, negócios e diversos outros temas, como o mercado automotivo, design e decoração.

O que estamos ofertando ao mercado publicitário com muito sucesso é a Jornada do Consumidor. Nossos anunciantes acompanham seu grupo definido de consumidores nos ambientes on e off-line – na web, nas redes sociais, em nossos sites, em nossas revistas, no mobile, onde seja -, entrando assim nas conversas que definem as decisões dos consumidores.

Com a criação do Estúdio ABC e do Abril Big Data, o ABD, facilitamos a participação das marcas nesses encontros, nessas conversas. É o nosso expertise na criação de conteúdos e em encontrar os consumidores a serviço de nossos parceiros de negócios”, explica Alexandre Caldini, Presidente da Editora Abril.

“Os assinantes desses títulos terão seus exemplares de dezembro entregues normalmente e poderão optar por outra revista do portfólio Abril, nas versões impressa ou digital.”

Folha.com

Comentários

comentários