Dólar abre a terça-feira em queda, comercializado abaixo de R$ 3,55

O dólar opera em queda nesta terça-feira (26), após o Banco Central não anunciar atuações no mercado de câmbio nesta sessão, pelo segundo dia seguido, e com investidores aguardando a decisão do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, nesta quarta-feira.

Moeda americana opera em queda (Foto: Ilustração)
Moeda americana opera em queda (Foto: Ilustração)

O mercado  também está atento aos possíveis nomes da equipe econômica de um eventual governo de Michel Temer.

Às 9h40, a moeda norte-americana caía 0,3%, vendida a R$ 3,5378.

Na véspera, o dólar caiu 0,61%, vendido a R$ 3,5485.

O mercado continua de olho na cena política do país, com os próximos passos do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Senado e a formação da equipe econômica no provável governo de Michel Temer.

Notícias publicadas no fim de semana reforçaram a possibilidade de o ex-presidente do BC Henrique Meirelles assumir o Ministério da Fazenda quando Temer assumir a Presidência, caso o Senado confirme o afastamento da presidente Dilma Rousseff. Meirelles esteve com o vice-presidente no sábado, em Brasília.

Também circularam os nomes de Murilo Portugal, presidente da Febraban, para o Ministério da Fazenda de Temer, e do ex-diretor do BC Luiz Fernando Figueiredo para assumir o banco.

O Senado elegeu na segunda-feira os 21 membros da comissão especial que avaliará o processo de impeachment de Dilma. Depois de a Câmara dos Deputados ter aprovado o processo de afastamento da presidente, o Senado terá de corroborar a decisão, o que já afastaria Dilma por até seis meses, até o julgamento final do processo na Casa.

Atuação do BC

O Banco Central vinha atuando fortemente com a realização de swaps cambiais reversos — equivalentes a compra futura de dólar–, mas reduziu a intensidade recentemente. Uma fonte da equipe econômica disse à Reuters na semana passada que o BC atuaria com “mão mais leve” no câmbio. (G1)

Comentários

comentários