Dilma indica Delcídio Amaral como líder do governo no Senado

A presidente Dilma Rousseff escolheu o senador Delcídio Amaral (PT-MS) para ser o novo líder do governo no Senado.

A escolha se dá quatro meses depois da posse de Dilma, em meio à crise entre o governo e o presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL).

A escolha se dá quatro meses depois da posse de Dilma,
A escolha se dá quatro meses depois da posse de Dilma,

A princípio, Dilma preferia ter um peemedebista na função, mas não houve consenso em torno do nome. Romero Jucá (RR), o candidato natural, votou em Aécio Neves (PSDB-MG) para presidente e, embora tenha se reaproximado do governo, não demonstrou interesse em assumir o posto.

A escolha de Delcídio levou em conta o fato de, apesar de ser do PT, o senador ter bom trânsito na oposição e no PMDB, fatores considerados fundamentais para tentar reduzir a falta de apoio a Dilma na Casa e para costurar votações importantes, como a do ajuste fiscal e a aprovação do indicado pela presidente para o STF, o advogado Luiz Fachin

O senador, que já havia sido líder da bancada petista no Senado em 2005, período em que também comandou a CPMI dos Correios, reassume, dez anos depois, uma responsabilidade ainda maior: liderar os parlamentares dos nove partidos da coligação que reelegeu a presidente e que ocupam 53 (65%) das 81 cadeiras do Senado em um momento de crise política.

A capacidade de diálogo e interlocução de Delcídio do Amaral e seu trânsito em todos os partidos da base aliada e também da oposição, além dos trabalhos que vem desempenhando na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) pesaram a favor do senador, que nos últimos dias ganhou o apoio do vice-presidente da República Michel Temer, que acumula a função de responsável pela articulação política do Governo.

Como o cargo de líder do governo Senado é privativo da Presidência, cabe agora à Dilma Rousseff formalizar a indicação de Delcício ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB/AL), o que deve ocorrer ainda nesta semana.

 

Comentários

comentários