Detento da Máxima passa mal em cela e morre em posto de saúde

O preso Richard Millan Leopoldino Ferreira de 24 anos da Penitenciária Jair Ferreira de Carvalho, Segurança Máxima de Campo Grande, morreu no início da tarde desta quarta-feira (13). O detento foi levado à Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Tiradentes, mas foi a óbito logo em seguida.

Segundo o registro policial, os detentos que dividem a cela com a vítima começaram a gritar pedindo socorro, dizendo que o preso estava desmaiado. Os servidores atenderam o jovem e constataram que ele estava inconsciente

Richard foi encaminhado para o Posto de Saúde do Bairro Tiradentes, mas não resistiu e morreu. Não foi mencionado no boletim de ocorrência os sintomas apresentados ou se havia alguma marca de perfuração ou luta corporal no preso.

O agente penitenciário que atendeu o detento apresentou à polícia uma lista com os nomes e fotografias dos internos que dividiam a cela com a vítima e a ficha disciplinar do detento.

O caso foi registrado na 3ª Delegacia de Polícia como morte a esclarecer.

Comentários

comentários