Deputado vai assumir secretaria e encaixar ex-chefe da PM na Assembleia

O deputado estadual José Carlos Barbosinha (PSB) anunciou nesta manhã (29), que aceitou o convite recebido do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), para ocupar a função de secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, no lugar de Silvio Cesar Maluf.

” Foi uma decisão difícil, que me faz abdicar de outros projetos. Mas adiamos uma missão local para uma em nome do Estado. Missão árdua, de interesse público, de responsabilidade e com compromisso de campanha a ser realizado. O que me motivou a assumir este grande desafio, afrmou Babosinha.

Barbosinha tem um encontro as 15h30 com governador para ratificar e assinar o termo de posse.
Barbosinha tem um encontro as 15h30 com governador para ratificar e assinar o termo de posse.

Hoje ele tem um encontro as 15h30 com governador para ratificar e assinar o termo de posse.

José Carlos Barbosinha foi reeleito, no começo do mês, presidente da CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) da Assembleia Legislativa, por onde passam todos os projetos de lei antes de serem submetidos ou não à votação em plenário.

Eleições

Barbosinha confirmou que tinha interesse em liderar um projeto para a sucessão do prefeito Murilo Zauith em Dourados, porém, nesse momento, segundo ele, talvez seja mais viável participar do programa de ordenamento estrutural do Governo, colaborando com o governador para “colocar em prática as ações que ele defende para tornar efetivas as realizações nas áreas de Justiça e Segurança Pública”.

Professor universitário, advogado e ex-diretor da Sanesul por sete anos, Barbosinha já demonstrou, no Governo anterior, que tem facilidades no trato com a gestão. Foi assim que projetou a empresa de saneamento como uma das mais rentáveis do País, e chegou a deputado estadual, para o primeiro mandato, com votação superior a 21 mil votos.

Suplente

Assume a vaga no legislativo o ex-comandante da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, Carlos Alberto David dos Santos.

Coronel David se filiou ao PSC (Partido Social Cristão) no início de março com o compromisso de ser pré-candidato à prefeitura de Campo Grande no pleito de 2016. No próximo mês, entre os dias 18 e 20, o partido realizará um evento para o lançamento da pré-candidatura de David, que contará com a presença do deputado federal Jair Bolsonaro, pré-candidato a presidente da República e pastor Everaldo, presidente nacional do PSC.

“Vamos aguardar os próximos movimentos, será uma honra se acontecer de eu assumir a vaga na Assembleia”, resumiu David.

Lúcio Borges

Comentários

comentários