Deputada se irrita com gritos de “boi” em sessão e reage

Da Redação/JN

A deputada estadual Mara Caseiro (PSDB) se exaltou há pouco durante sessão na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. A parlamentar não gostou de ter ouvido a expressão ‘boi’ durante o seu pronunciamento.

Deputada Mara Caseiro – Foto: Divulgação/Arquivo

A abordagem faz referência às doações da JBS a partidos políticos e posteriormente os repasses às campanhas eleitorais de boa parte dos parlamentares. A parlamentar recebeu R$ 52 mil em 2014 originário da empresa.

A sessão chegou a ser suspensa pelo presidente da Casa, deputado Junior Mochi (PMDB).

“Vocês deveriam cantar esse ‘boi da cara preta’ para o Lula, que lesou esse país”, disse. Em seguida, durante a pausa, ela se dirigiu às cadeiras onde estavam os servidores e totalmente exaltada apontava o dedo em direção ao público presente.

Pouco mais de cinco minutos depois, foi retomada a sessão e Mara voltou a ler o seu expediente.

Os servidores públicos estaduais participam do ato no Legislativo como forma de pressionar os deputados a intervir na negociação com o governo do Estado por reajuste salarial, já que não há perspectiva de aumento em 2017.

Hoje pela manhã em Dourados, Reinaldo Azambuja falou sobre o assunto e afirmou que é necessário cautela por conta da crise econômica a qual passa o país,

Comentários

comentários