DEM deve apoiar Marquinhos que tem maior identidade com Capital, diz Mandeta

marmmlllA candidatura do deputado Marcos Trad (PSD) pela disputa a prefeitura de Campo Grande, deve ganhar o apoio dos Democratas da Capital. O DEM está em negociação com os partidos, mas tem maior predileção pelo Social Democrata, por estar se apresentando em maior identidade com o município e vocacionado para administrar o Paço Municipal. A afirmativa é do presidente regional da legenda, o deputado federal Luiz Henrique Mandeta, que no fim da manhã desta sexta-feira (15) falou ao Página Brazil. Contundo, ele revelou que o acordo só sai pela convenção da sigla, sendo que até dia 05 de agosto, quando realizarão o encontro, muita coisa ainda pode acontecer. Ele lembra que partidos grandes, apesar de serem ou terem sido protagonistas na Capital, hoje estão indefinidos e sua postura pode modificar os cenários.

Mandeta, aponta que tem conversado com muita gente, menos com o atual prefeito Alcides Bernal (PP), que ainda não anunciou oficialmente, mas deve buscar a reeleição. Como ainda, ele não descarta, mas que a candidatura de Nelsinho Trad (PTB) não se apresentou. Assim, pelas conversas e posição, o deputado-candidato tem ao menos em sua parte pessoal, a maior chance de ser o apoiado pelo DEM. “Estamos conversando com todos, com mais afinco com o Marquinhos e a Rose – Modesto, vice-governadora-candidata do PSDB- que são os melhores nomes. Com Bernal nunca houve dialogo. Mas entre os dois, Marquinhos está em boa vantagem, pois é mais vocacionado e tem identidade apresentado por Campo Grande e para administrar a Prefeitura. O Nelsinho, não sabemos ainda realmente, pois até ele nunca disse oficialmente ser candidato. Já o Marcos definiu a tempos”, apontou o líder do DEM.

Mas, o presidente regional lembra que tudo vai ser decido pelos partidários e acima de tudo pelos vereadores. “A eleição é municipal, então quem tem que decidir mais são os parlamentares e candidatos local. A proximidade com um ou outro candidato é posição de 0muitos, minha opinião pessoal, mas hoje, não posso falar que é ainda do partido. Vamos realizar nossa convenção em 05 de agosto, e antes algum encontro, que será apresentado todo o contexto e o que conversamos. Mas, até o dia 5, tem muita coisa ainda para acontecer, como o PMDB ainda lançar seu candidato que apesar de hoje não ter, ainda pode haver e que muda, se não todas, muitas situações”, avaliou Mandeta.

O Democrata ao falar dos peemedebistas lembra da posição daquele partido, bem como de outras médias e grandes agremiações. “O PMDB ainda é forte, apesar dos últimos acontecimento e indefinição. Mas eles de uma forma ou de outra tem que se posicionar e creio que eles terão candidato. Eles tomando uma posição, temos que ter isso avaliado, muda com certeza alguma situação. E não somente o PMDB, tem o PDT, o Dagoberto se apresentando, mas ainda em curso, que tem muito que ser considerado também. O Nelsinho, entre outras coisas. Por isso disse que ‘até lá mutia coisa pode acontecer’ “, disse.

Mais avançado

A avaliação em geral coloca a candidatura Social Democrata em melhor situação. O fato de ser o único com firme candidatura faz de Marquinhos o único em real posição. “Hoje, hoje me parece que o Marcos está melhor posicionado ou quem se posicionou, colocou e está firme a algum tempo viabilizando sua busca em ser prefeito da Capital e arrumar a realidade da prefeitura e de nosso município”, finalizou Mandeta.

Comentários

comentários