Dagoberto contraria Pedra e nega apoio do PDT a Alcides Bernal

O presidente regional do PDT, deputado federal Dagoberto Nogueira, negou que o seu partido esteja propenso a apoiar a reeleição do prefeito Alcides Bernal (PP), como estaria negociando o vereador cassado e secretário municipal de governo da prefeitura de Campo Grande, Paulo Pedra.

Dagoberto: Bernal e Olarte "acabaram com Campo Grande" (Foto: Divulgação)
Dagoberto: Bernal e Olarte “acabaram com Campo Grande” (Foto: Divulgação)

Dagoberto falou que a posição demonstrada por Pedra, de querer apoiar a recondução de Bernal é uma posição estritamente do secretário e não reflete o desejo do PDT.

Em entrevista ao jornal Correio do Estado, Dagoberto assinalou que Bernal e o vice afastado do progressista, Gilmar Olarte (PP), “acabaram com Campo Grande”. “Os dois fizeram a pior administração que a Capital já teve”, disse Dagoberto ao jornal.

Dagoberto avaliou que Pedra defende a reeleição de Bernal “pensando em interesses pessoais”. “Bernal só prometeu mentiras. Coisas impossíveis foram prometidas como consultas em farmácia”, lembrou Dagoberto ao Correio do Estado.

O pedetista disse que Bernal e Olarte “fizeram muito mal” a Campo Grande. “Perdemos muito dinheiro, muito investimento”, ressaltou. “Então, não tem como o PDT apoiar essa administração”, justificou o pedetista na entrevista que deu ao Correio do Estado.

Comentários

comentários