Corinthians larga na frente, mas Cruzeiro segue vivo na briga pela semi da Copa do Brasil

Foi bonito, foi. Foi intenso, foi. E o Corinthians levou a melhor (Reprodução- GE)
Foi bonito, foi. Foi intenso, foi. E o Corinthians levou a melhor (Reprodução- GE)

Corinthians e Cruzeiro entraram em campo vivendo momentos ruins no Campeonato Brasileiro. Na Copa do Brasil, no entanto, as duas equipes saíram de Itaquera vivas na disputa por uma vaga na semifinal.

O Corinthians marcou duas vezes no começo do segundo tempo, mas o Cruzeiro conseguiu diminuir. Com o placar de 2 a 1, o time paulista leva a vantagem de poder jogar pelo empate em Belo Horizonte, enquanto os mineiros precisarão de uma vitória por 1 a 0 para ficar com a vaga.

TRAVE SALVA O CORINTHIANS

Nos primeiros 45 minutos das quartas de final da Copa do Brasil, o jogo foi equilibrado. O Cruzeiro teve as primeiras chances, mas o Corinthians conseguiu equilibrar e levar perigo com Rodriguinho, que recebeu a bola na área em três oportunidades, mas errou a finalização em todas.

Mas a melhor chance do primeiro tempo foi mesmo da equipe mineira. Aos 42, Willian arriscou da entrada da área e carimbou o travessão de Walter. Na volta, a bola ainda tocou nas costas do goleiro e saiu pela linha de fundo.

VOLTOU COM TUDO

Depois de contar com a sorte no final do primeiro tempo, o Corinthians voltou do intervalo e tratou de resolver a partida logo. Com apenas um minuto de bola rolando, Rodriguinho arriscou de longe e o goleiro Rafael espalmou. Marquinhos Gabriel, em posição duvidosa no momento do chute, foi para o rebote e, quase na linha de fundo, conseguiu cruzar. Léo tentou impedir o gol de Romero e acabou mandando contra a própria rede.

Aos 8, Marlone partiu pela esquerda e resolveu experimentar de fora da área. A finalização, porém, saiu como um cruzamento perfeito para Romero, que colocou a cabeça na bola e marcou o segundo gol do Corinthians no jogo.

TEMOS UM JOGO!

Com a boa vantagem no placar, o Corinthians tentava administrar o placar, mas o Cruzeiro sabia da importância de buscar um gol fora de casa e conseguiu balançar a rede de Walter.

Aos 31, o goleiro Rafael fez uma ligação direta com o ataque. Balbuena falhou e a bola ficou com Ábila. O atacante argentino rolou para a entrada da área. Robinho dominou livre, ajeitou e bateu rasteiro, sem chances para o goleiro. O Cruzeiro estava de volta à disputa.

DECISÃO EM TRÊS SEMANAS

A decisão da vaga para a semifinal da Copa do Brasil está marcada para o dia 19 de outubro. O jogo da volta acontece no Mineirão, às 21h45 (de Brasília).

Agora as equipes voltam a pensar no Campeonato Brasileiro. Como o domingo está reservado para as eleições municipais, a 28ª rodada acontece toda no sábado. Às 16h30, o Corinthians vai ao Rio de Janeiro para enfrentar o Botafogo. Mais tarde, às 18h30, o Cruzeiro recebe o Grêmio

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS 2 X 1 CRUZEIRO

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 28 de setembro de 2016, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-FO)
Público: 18.796 pagantes (total de 19.180)
Renda: R$ 961.342,00
Gols: CORINTHIANS: Léo (contra), a 1 minuto, e Romero, aos 8 minutos do segundo tempo; CRUZEIRO: Robinho, aos 32 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Yago, Balbuena e Guilherme Arana; Camacho, Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel, Rodriguinho (Willians) e Marlone (Rildo); Romero (Lucca). Técnico: Fábio Carille

CRUZEIRO: Rafael; Lucas, Manoel, Léo e Edimar, Henrique, Ariel Cabral (Arrascaeta), Robinho, Rafinha e Rafael Sóbis (Ábila); Willian (Alisson). Técnico: Mano Menezes

Comentários

comentários