Congresso Nacional de Recursos Audiovisuais na Cena Contemporânea acontece em Campo Grande

Foto Divulgação
Foto Divulgação

Artistas, acadêmicos e profissionais das Artes Cênicas irão ter a oportunidade de compartilhar conhecimento e de se reciclarem durante o “Congresso Nacional de Recursos Audiovisuais na Cena Contemporânea” realizado em Campo Grande desde 20 até 23 de julho na UEMS (Universidade Estadual de MS) e no SESC Horto. O investimento para participar é de R$ 20,00 com direito a participar de duas oficinas. O evento é uma realização da  Fundect, UEMS, Curso de Artes Cênicas, APE IPE (Aliança de Pesquisa e Extensão Interdisciplinar em Percursos Criativos e Estéticas Cênicas), com o apoio da Fundação de Cultura do Governo do Estado. O credenciamento acontece agora à tarde às 13h na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Como andam as Artes Cênicas em Matogrosso do Sul? Como vai o Teatro, a Dança, o Teatro de Rua, as Manifestações Folclóricas e Populares, as Performances e o Circo? É preciso saber que no teatro, se não houver iluminação, não é possível visualizar nada!  É importante perceber que a rua é o cenário de diversas manifestações, que a ausência de cenário não é uma possibilidade (já que o palco nu ou a rua deserta desempenham papéis significantes diversos). O mesmo se dá com o figurino, a maquiagem e a trilha sonora. Como estão sendo tratados os elementos audiovisuais na cena sul mato-grossense e no seu processo de ensino/aprendizagem? O congresso pretende debater esses e outros assuntos do fazer arte na atualidade.

O evento traz professores de teatro da UFBA (Universidade Federal da Bahia) – (Eduardo Tudella e Maurício Pedrosa) que irão ministrar oficinas de cenografia e iluminação e da UFS (Universidade Federal do Sergipe – (Beto Laplagne) que dará o curso de Maquiagem e Haroldo Garay de Campo Grande que irá ministrar o curso de Tingimento em Tecido e junto com outros profissionais (Nill Amaral, Thathy D’Meo, Espedito Di Montebranco, Rodrigo Faleiros e Jair Damasceno) com experiência na cena artística para debater e trocar ideias a respeito dessa arte. As oficinas servirão para reciclagem dos profissionais do Estado e para conscientização dos alunos de artes cênicas.

Haverá ainda a defesa dos artigos acadêmicos que serão publicados nos anais do evento, um simpósio com os profissionais locais, um seminário com os professores do nordeste e apresentações artísticas.

Para o professor Dr. Marcus Villa Góes da UEMS  o evento vem de encontro com o anseio dos profissionais e acadêmicos em se profissionalizarem ainda mais, “afinal sem pensarmos nos aspectos visuais e sonoros do espetáculo não podemos sequer pensar no espetáculo, e muito menos ensinar teatro e dança de forma contundente”, enfatiza Góes, que continua, “é preciso compreender que o teatro, a dança, as manifestações populares, o circo, o folclore… são os principais motivos para que o cidadão comum saia de sua casa e encontre pessoas desconhecidas, ou amigas, e que tenham um tema a debater de maneira espontânea, amigável e informal”, finaliza Goés.

Programação

20 de julho – na UEMS

– 13h às 14h – Credenciamento

– 14h às 18h – Oficina de Tingimento em Tecido com Haroldo Garay, parte I.

– 18:30h às 21:30h – Simpósio: Recursos Áudio Visuais da Cena Contemporânea: Estudos de caso. Com: Haroldo Garay; Nill Amaral; Thathy D’Meo; Espedito Di Montebranco; Rodrigo Faleiros; Jair Damasceno.

21 de julho – na UEMS

– 8h às 12h – Curso de Técnicas básicas da cena: Cenografia e Cenotécnica, com Maurício Pedrosa – UFBA.

– 13h às 17h Curso de Técnicas Básicas da Maquiagem, com Beto Laplagne – UFS.

– 17:10h às 18h – Cena de alunos (17:30h Burning Caterpillar – Cronogênese)

– 18h às 18:30h – Cena de alunos (Experimento n° 4)

– 18:30h às 21:30h – Apresentação de trabalhos científicos. Tema: Recursos Áudio Visuais na Cena Contemporânea.

22 de julho – no SESC Horto

-13h às 17h – Experimento de iluminação, com Eduardo Tudella – UFBA.

-17h – 18:30h – O Zoológico de Vidro, de Tennessee Williams

-18:30h – 21:30h – Seminário: Recursos Áudio Visuais da Cena Contemporânea na Licenciatura em Artes Cênicas. Com Beto Laplagne – UFS; Maurício Pedrosa – UFBA; Eduardo Tudella – UFBA.

– 22:30h – Bye, Bye Bahia. Festa no DRAMA!

23 de Julho – no SESC Horto

– 14h – 18h – Oficina de Tingimento em Tecido, parte II.

– 18:30h às 20h – cenas de alunos (19h Burning Caterpillar – Cronogênese)

– 20h às 21:30h – O Zoológico de Vidro, de Tennessee Williams

Comentários

comentários