Condutor de Ecosport morre ao ter carro atingido por caminhão

O motorista João da Silva, 61 anos, que conduzia um veículo Ecosport  placa HSY- 4308 de Campo Grande,  morreu por volta das 9h50 desta quinta-feira (11) ao colidir contra um caminhão carregado com 29 toneladas de cimento da empresa Vobeto. O acidente aconteceu na BR-262, em uma rotatória no perímetro urbano da cidade de Terenos, a 28 quilômetros de Campo Grande

11Sport
Acidente aconteceu na manhã desta quinta-feira Foto Paulo Francis

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do Ecosport foi fazer uma conversão à direita na rotatória que dá acesso a estrada que leva a ponte do Greco quando foi colhido pelo caminhão que seguia pela BR sentido Aquidauana-Terenos.

Com o impacto da colisão, o carro foi arrastado por mais de 100 metros.

O motorista de Ecosport ficou preso nas ferragens do veículo e morreu antes da chegada do resgate.

Já o motorista da carreta, Liverton Fernandes, de 34 anos não sofreu ferimentos.,Ele disse que o motorista do EcoSport invadiu a pista contrária ao fazer uma rotatória. O condutor não conseguiu frear e colidiu lateralmente com o caminhão.

Ecosport foi arrastada por 100 metros e motorista ficou preso as ferragens
Ecosport foi arrastada por 100 metros e motorista ficou preso as ferragens Foto Paulo Francis

Daniel Matias Queiroz que seguia da capital para Terenos, presenciou ao acidente, Ele conta que parou na rotatória para dar passagem ao caminhão e de repente “ouvi um enorme barulho”, recordando que o caminhão estava na mão correta e na preferencial. “O motorista do Ecosport fez uma conversão, que eu nem sei se é permitida e causou a colisão”, afirmou.

Ele disse ainda que o caminhão não estava em alta velocidade “no máximo 70 Kmh””, diz

Viaturas do Corpo de Bombeiros foram encaminhadas para o trecho da rodovia e equipes da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal (PRF) estão no local..

Uma das pistas da rodovia está interditada e há pequeno congestionamento no local.

Paulo Francis e Jackson Nogueira

Comentários

comentários