Com Doença de Lyme, Avril Lavigne chora na TV: 'Minha 2ª chance de viver'

Cantora não segurou as lágrimas em sua primeira entrevista desde que foi diagnosticada

Rio – Avril Lavigne se emocionou mas mostrou estar esperançosa em sua primeira entrevista para as câmeras sobre seu diagnóstico de Doença de Lyme, rara infecção bacteriana transmitida pela mordida do carrapato estrela. “Estou na metade do meu tratamento”, afirmou a canadense de 30 anos ao canal ABC News na segunda-feira.

Avril Lavigne durante sua primeira entrevista à TV depois do diagnóstico Foto:  Reprodução Internet
Avril Lavigne durante sua primeira entrevista à TV depois do diagnóstico Foto: Reprodução Internet

A cantora foi diagnosticada em dezembro de 2014, quando pediu aos fãs no Twitter que rezassem por ela, mas sem revelar o motivo. “Eu literalmente fiquei acamada em outubro passado”, explicou. Avril revelou que passou por inúmeros especialistas antes de encontrar o diagnóstico correto.

Entre os sintomas da doença, ela sentia fadiga, gripe e suor noturno. “Isso durou um mês. Eu vi meu médico na mesma hora, fiz os malditos exames (…) e eles não sabiam o que tinha de errado comigo.”

Segundo a cantora, ela mesma tinha certeza que estava com a doença de Lyme e insistiu com os médicos, até encontrar um especialista. “Quando você é um especialista, você conhece a doença de dentro pra fora e sabe identificar os sintomas.”

O diagnóstico, no entanto, foi apenas o primeiro passo para a recuperação.

A cantora afirma que só começou a melhorar com o apoio dos fãs. Ela assistiu a vídeos dos admiradores, que deram a ela força para lutar contra a doença. “Eu chorei durante a coisa toda. Honestamente, eu me senti muito, muito amada. Parece bobagem dizer, mas eu realmente senti meus fãs durante o processo.”

Avril finalizou dizendo que “existe esperança” para a doença de Lyme e está “vendo muito progresso” em sua recuperação. Ela ainda chamou essa nova fase como sua “segunda chance de viver.” “Eu quero sair e fazer verdadeiramente o que eu amo. Então estou animada com a vida depois disso.

Ela tem uma apresentação marcada para o dia 25 de julho na cerimônia de abertura das Olimpíadas Especiais de Los Angeles.

IG

Comentários

comentários