Com base em plano do governo do Estado, Rose quer priorizar saúde na prefeitura

Pré-candidata à prefeita de Campo Grande, a vice-governadora do Estado, Rose Modesto (PSDB), em entrevista ao Página Brazil na manhã desta quinta-feira (02), afirmou que a proposta da campanha é devolver aos habitantes da Capital os serviços básicos que não estão sendo bem oferecidos.

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Para Rose, Campo Grande está vivendo um momento de caos, principalmente na área da saúde. “Temos que fazer como foi feito no governo, que é a priorização da saúde. As ações preventivas das epidemias não funcionam e geram grandes problemas. Estamos em um surto de H1N1 e a prefeitura não consegue responder onde foram parar as 32 mil vacinas para gripe”, disse.

Sem deixar as outras áreas de lado, a vice-governadora também ressaltou que a educação é outra área que necessita de atenção, além da infraestrutura da cidade. “Campo Grande nunca viveu um momento tão difícil, as pessoas não conseguem transitar nas vias em segurança”, ressaltou.

Convenções

Os partidos têm até o dia 30 de julho para realizarem as convenções e homologarem as candidaturas. Até o momento, a Capital tem 13 pré-candidatos à prefeitura.

Comentários

comentários