Coligação de Rose denuncia à polícia falso coordenador que contratou 90 cabos eleitorais

A coordenação de campanha da candidata a prefeita de Campo Grande Rose Modesto (PSDB) descobriu um falso coordenador, que teria contratado indevidamente 90 pessoas em nome da tucana. A situação foi descoberta depois que pessoas não ligadas à equipe de Rose exigiram pagamento, alegando terem sido contratadas.

Rose Modesto registra denúncia na Polícia. (Foto: Divulgação Assessoria)
Rose Modesto registra denúncia na Polícia. (Foto: Divulgação Assessoria)

Segundo nota divulgada pela assessoria da candidata, o caso está nas mãos da Polícia, que se restringiu a informar que possui fortes indícios de quem seria o mandante do crime.

De acordo com Rose, após o partido tomar conhecimento do caso, um jovem identificado como Pedro Rodrigo Silva de Souza apareceu no comitê eleitoral na última segunda-feira (19) se dizendo coordenador de campanha da região do bairro Estrela Dalva – região norte da Capital.

Além disso, Pedro tinha uma pasta contendo dezenas de contratos firmados por ele com pessoas que estariam “em seu encalço” para receber por serviços prestados.

“Nosso pessoal verificou os documentos e foi constatado que todos eram falsos. Estávamos diante de uma grande fraude que armaram na tentativa de nos prejudicar. Imediatamente colocamos o caso nas mãos da polícia e tenho certeza que muito em breve o culpado vai aparecer”, disse Rose.

Questionado sobre a ilegalidade e pelo fato de ter envolvido quase uma centena de pessoas na fraude, Pedro relatou diversas versões de uma história, todas elas incoerentes. Em uma delas ele afirmou ter sido contratado por uma mulher de nome Cláudia – da qual não sabe nenhum outro detalhe – que se apresentou como representante do PSDB e o contratou como coordenador da campanha no Bairro Estrela Dalva. Em outras versões, Pedro afirma ter recebido dinheiro e em outra ter mobiliado a casa de sua mãe.

“Apresentamos todos os documentos à 1ª Delegacia de Polícia de Campo Grande e também para a Justiça Eleitoral. Tenho certeza que em breve teremos todas as respostas”, encerrou Rose.

Comentários

comentários