COB define sede de Jogos Escolares da Juventude para atletas de 12 a 14 anos e MS reafirma participação

Foto Divulgação
Foto Divulgação

A capital paraibana sedia, entre os dias 20 e 29 de setembro, a etapa 12 a 14 anos dos Jogos Escolares da Juventude. A escolha da cidade de João Pessoa, pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), foi divulgada ontem (23). Mato Grosso do Sul participa da competição com uma delegação comandada pela Fundesporte.

O município recebe o evento pela quinta vez. Em 2007, 2008 e 2014 João Pessoa sediou a etapa 15 a 17. Depois de cinco anos, volta a abrigar a etapa 12 a 14 anos. O diretor-geral dos Jogos Escolares, Edgar Hubner afirmou que a experiência, a boa infraestrutura da cidade e o apoio do Governo do Estado, aliados à política do COB de levar o evento para todos os cantos do país, pesaram na decisão. “João Pessoa tem boas instalações esportivas e capacidade hoteleira, além de um importante Centro de Convenções que será utilizado como base das operações do Comitê Organizador dos Jogos. Um evento desse porte movimenta a economia da cidade e promove o ambiente saudável do esporte para a população local. Estamos muito satisfeitos em voltar a João Pessoa”, disse.

Para assegurar o direito de participação de Mato Grosso do Sul no maior evento esportivo do Brasil, os atletas precisam vencer os Jogos Escolares de Mato Grosso do Sul – JEMS. Este ano, as disputas nas modalidades individuais (atletismo, ginástica rítmica, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, badminton e ciclismo) serão em Campo Grande no mês de junho. A etapa da modalidade de futsal está marcada para Jardim no mês de maio e as partidas de basquete, handebol e vôlei serão disputadas em Coxim, a partir de 01 de maio.

“Todos os anos Mato Grosso do Sul participa dos Jogos Escolares da Juventude. Este ano não será diferente. Vamos trabalhar para ir com força máxima e delegação completa, com chance de medalha em todos os esportes. Participar, além de ser uma experiência inesquecível para o aluno é também uma oportunidade de conhecer novos lugares, novas culturas e fazer amizades”, avaliou o Gerente Geral de Desenvolvimento de Desporto e Lazer da Fundesporte, Professor Mestre Paulo Ricardo Martins Nuñez.

Os municípios já confirmaram participação nos JEMS e estão em ritmo intenso de treino para terem o melhor desempenho possível nas competições. A expectativa é de bons jogos e disputas acirradas. Em 2015, atletas de Campo Grande foram os principais destaques nas modalidades individuais. No basquete, Ponta Porã (masculino) e Três Lagoas (feminino) ficaram com o título. No futsal,  a melhor equipe foi de Costa Rica (feminino) e Chapadão do Sul (masculino). No handebol dobradinha de Dourados e no vôlei de Ponta Porã.

Nos últimos Jogos Escolares da Juventude, realizados em Fortaleza, Mato Grosso do Sul conquistou 11 medalhas sendo: dois ouros, seis pratas e três bronzes. Somente no judô foram cinco (um ouro e quatro pratas). Na natação, uma prata e um bronze; na luta olímpica dois bronzes e no atletismo um ouro e uma prata. A meta é superar o número em 2016 e voltar a subir no pódio nas modalidades coletivas. “Para isso estamos incentivando a participação dos municípios, estimulando a formação de novas equipes e o aperfeiçoamento das que já costumam participar. Os vencedores serão avaliados pelo  Programa Genoma e passarão por uma semana de jogos preparatórios em Campo Grande para pegarem ritmo de jogo. Assim, esperamos alcançar nosso objetivo de trazer mais medalhas para casa”, finalizou Paulo Ricardo.

Comentários

comentários