Campo-grandenses saem às ruas para comemorar impedimento de Dilma

Como em todo o Brasil, os campo-grandenses saírem às ruas na noite de ontem para festeja a aprovação da admissibilidade do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. O pedido de impeachment passou pelo plenário da Câmara dos Deputados por 367 votos favoráveis e 146 contrários, sendo 7 abstenções e 2 faltas registradas.

Povão comemorar impedimento da presidente Foto Paulo Francis
Povão comemorar impedimento da presidente Foto Paulo Francis

A aprovação, contudo, não afasta Dilma imediatamente da Presidência da República. Isso só pode ocorrer após a análise do Senado.

Manifestantes a favor do impeachment da presidente Dilma em Campo Grande comemoraram o resultado da votação da Câmara dos Deputados. Após o voto que resultou no prosseguimento do processo de impeachment para o Senado, houve queima de fogos, gritos, aplausos e Hino Nacional na frente do MPF (Ministério Público Federal).

Em seguida, uma carreata com buzinaço teve início no Obelisco, na avenida Afonso Pena com a rua José Antônio, passou ao lado da sede do MPF e prosseguiu por vários trechos da Afonso Pena.

Na praça Ary Coelho, onde o grupo contra o impeachment se reunia, o clima foi de frustração após o voto que resultou no prosseguimento do processo. Um dos líderes disse ao grupo que a batalha nas ruas vai continuar e que não é para ter medo e não é para abrir mão da democracia.

Os manifestantes contra o impeachment se espalharam por toda a praça para acompanhar a votação em um telão. Ao longo da votação, o número de pessoas na praça foi diminuindo.

Comentários

comentários