Campo Grande inicia videomonitoramento na área central

As atividades de videomonitoramento estão dentro do cronograma estimado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e o Centro de Controle Operacional tem inauguração marcada para essa sexta-feira (19/06). Com a instalação das 22 câmeras no centro da cidade, a expectativa é de que haja redução de tempo do atendimento nos casos de crimes e de acidentes, alcançando de três a cinco minutos após a ocorrência.

O sistema será inaugurado na próxima sexta-feira  Foto Luana Campos
O sistema será inaugurado nesta sexta-feira Foto Luana Campos

O Centro de Controle Operacional está instalado em prédio na Rua Anhanduí – em frente ao Horto Florestal. Além da Guarda Municipal, que será responsável pela operacionalização do sistema, equipes da Agência Municipal de Trânsito (Agetran), Defesa Civil, Polícia Militar e Policia Rodoviária Federal (PRF) também vão monitorar as imagens capturadas pelas câmeras que são de alta definição.

As câmeras estão localizadas no quadrilátero central compreendido entre as avenidas Mato Grosso, Afonso Pena, Calógeras e rua Rui Barbosa. O secretário municipal de Segurança Pública, Valério Azambuja destaca que o projeto segue com prazo, pagamento e treinamento em dia. “O sistema foi testado, avaliado e certificado e no prazo previsto entrou em funcionamento”, informou.

Valério destaca a importância do videomonitoramento para a redução da criminalidade na área central de Campo Grande. “Acreditamos que, com a instalação desses equipamentos, haja redução dos crimes de roubos, furtos e outros sinistros na região atendida pelo sistema”, explica. De acordo com o secretário, seguindo as estatísticas de outras cidades onde o sistema já foi implantado espera-se uma redução inicial de 30% nos índices de criminalidade, podendo chegar a 50% no decorrer dos próximos meses.

Além dessa funcionalidade, o sistema irá aperfeiçoar o controle de tráfego de veículos, contribuir com o zelo urbano, propiciar a vigilância ambiental e auxiliar na fiscalização das posturas municipais, identificando irregularidades.

As câmeras com 450 metros de alcance geram imagens em 360º e dispositivo day/night (dia e noite). As imagens serão armazenadas por 30 dias e podem ser requeridas pelas autoridades do judiciário e da segurança pública de campo grande como fonte de investigação criminal.

Comentários

comentários