Bonucci é expulso, Milan tropeça e só fica no empate contra o Genoa

Da ESPN

O Milan recebeu o Genoa no San Siro pela 9ª rodada do Campeonato Italiano e mais uma vez decepcionou seus torcedores. Com desempenho abaixo do esperado, a equipe ficou no 0 a 0 ainda jogou com um a menos durante grande parte da partida, somando mais um tropeço na competição.

Ameaçado pela fraca atuação e os resultados não satisfatórios neste início de temporada, Vicenzo Montella promoveu algumas alterações no time em comparação aos titulares que entraram em campo no clássico contra a Inter de Milão na rodada passada.

Mantendo a estrutura tática do 3-5-2, o técnico optou por deixar o lateral Ricardo Rodríguez mais recuado, atuando como um zagueiro pela esquerda. Com isso, a ala-esquerda ficou na responsabilidade de Giacomo Bonaventura.

Outra alteração feita se deu no comando de ataque. A escolha para a partida foi por ter Kalinic começando como titular, enquanto o português André Silva ficou no banco de reservas.

As mudanças, no entanto, não surtiram o efeito desejado dentro de campo. Por jogar em casa e mais qualidade, o Milan tomou as iniciativas e teve uma posse de bola maior, mas muitas vezes improdutiva, abusando também das jogadas aéreas com os chuveirinhos para a área. Em contrapartida, quando tinha a bola, o Genoa tornava o jogo mais rápido e tentava encaixar algum contra-ataque que surpreendesse a defesa milanista.

Para piorar a situação, Leonardo Bonucci foi expulso aos 26 minutos. Durante cruzamento na área, o zagueiro e capitão do Milan acertou uma cotovelada em Rosi, e após consulta ao árbitro de vídeo, deixou o jogo mais cedo. Com dez em campo, a alternativa foi ajustar a defesa com a entrada de Romagnoli no lugar de Çalhanoglu.

Genoa aos poucos foi se soltando mais e com um a menos o Milan se viu na necessidade de recuar. Já na segunda etapa, o técnico Ivan Juric colocou Lapadula, Lazovic e Ricci procurando um maior poderio ofensivo.

Se a primeira etapa foi morna, o segundo tempo ao menos reservou lances de maior perigo para ambos os lados. Bertolacci quase abriu o placar em chute que passou do lado esquerdo de Donnarumma, enquanto Kessié deu um susto em arremate próximo a trave após arrancada do campo de defesa.

Montela tentou mudar um pouco a dinâmica ofensiva da equipe ao colocar Cutrone e Calabria para as saídas de Bonaventura e Kalinic, mas não mudou muito. Faltava criação de jogada e uma presença maior no meio-de-campo. No final, ninguém balançou as redes.

O resultado não deixa ninguém satisfeito. Depois do alto investimento em contratações em um elenco reformulado, o Milan vem entregando bem pouco e até o momento decepciona o trabalho realizado. Atualmente, os rossoneros estão na 10ª colocação com 12 pontos, podendo ainda ser ultrapassado pela Fiorentina.

Do lado do Genoa, o empate fora de casa não é ruim, mas o fato de ter jogado mais de 60 minutos com um a mais e a necessidade do resultado fazem a equipe sentir que poderia ter saído com algo melhor. Na 17ª posição, somou apenas seu sexto ponto e uma vitória do Sassuolo ou Spal coloca os genoveses na zona de descenso.

A próxima missão do Milan será diante do Chievo Verona fora de casa, já nesta quarta-feira. O Genoa jogará em casa, mas contra um adversário bastante indigesto: o time recebe o Napoli, também na quarta.

Comentários

comentários